Corinthians larga atrás, mas busca empate com Internacional no Beira-Rio

O Corinthians empatou por 2 a 2 com o Internacional na noite de sábado (14), no Beira-Rio, pelo Brasileirão. O Timão largou atrás e teve que buscar a diferença para se manter firme na luta pela manutenção da liderança da competição.

O Corinthians não fez um bom primeiro tempo e cedeu muito espaço para o Internacional trabalhar a bola no campo de ataque. Aos 24 minutos, o Inter encaixou uma bela jogada coletiva e abriu o marcador. Wanderson arrancou pela esquerda e cruzou para David, que deixou a bola passar para Alan Patrick mandar para o fundo do gol.

A desvantagem no placar, no entanto, não abalou o Corinthians. Aos 29, após cobrança de escanteio e bate-rebate, o zagueiro Raul Gustavo conseguiu deixar tudo igual. O lance foi revisado pelo VAR, que manteve a decisão do árbitro de campo.

O Inter seguiu no ataque em busca de retomar a dianteira do placar antes do fim da primeira etapa. E conseguiu. Aos 43, Bustos cobrou lateral em direção a área, e Davi cruzou na segunda trave. Alan Patrick cabeceou, e Cássio fez milagre. Na sobra, contudo, Wanderson mandou para dentro do gol.

No segundo tempo, Vítor Pereira sacou Róger Guedes e colocou Jô. Aos seis minutos, o atacante balançou as redes, mas estava em posição irregular. Aos 12, mais um gol anulado. Dessa vez, de Gil. Com o posicionamento defensivo ajustado, o Corinthians cresceu no jogo e chegou ao empate aos 18. Willian encontrou Mantuan na entrada da área, e o camisa 31 serviu Jô, que tirou de Daniel e finalizou para o fundo da rede.

Aos 31 minutos, Rafael Ramos e Edenilson discutiram. O volante do Internacional acusou o lateral alvinegro de o chamar de “macaco”. Não houve conclusão do caso e a partida foi retomada.

Informações do SBT Sports