FC Cascavel anuncia Ademir Fesan como treinador para temporada 2023

A Serpente Aurinegra já tem o novo comandante que estará à frente da equipe na temporada de 2023. O FC Cascavel fechou a contratação do técnico Ademir Fesan, que assinou contrato por um ano.

“Estou extremamente motivado e orgulhoso por representar esse clube tão vitorioso e tradicional. Prometo muita dedicação e bastante trabalho para retribuir a confiança da diretoria e, com o apoio de todos, não medirei esforços para conquistarmos nossos objetivos”, afirmou.

Aos 45 anos, Fesan é um técnico jovem, mas com muita experiência no futebol. Já são mais de 25 anos trabalhando em equipes de todo o país. O treinador, que começou a carreira ainda aos 17 anos, tem passagens por Internacional, Vitória, Ceará, Cuiabá, CRB, Guarani, entre outros. Conquistou os acessos à Série B do Brasileirão pelo Guarani, em 2016; para a Série A com o Paraná, em 2017; e ainda ganhou a Copa Verde pelo Cuiabá, em 2019.

Fesan foi auxiliar-técnico de treinadores como Lisca, Marcelo Chamusca, Rogério Micale, Claudinei Oliveira e Gilmar Dal Pozzo. Ele também trabalhou nas categorias de base do Santos, Barueri e Brasil-RS.

Em 2019, já com a Licença A da CBF, Ademir Fesan decidiu que era a hora de seguir o seu caminho e se tornou treinador de forma efetiva. Antes, já tinha tido experiência no cargo, mas, na maior parte do tempo, como interino.

No ano passado, Fesan levou o Primavera para a Série A2 do Campeonato Paulista depois de 34 anos e foi escolhido o melhor treinador da competição. Em 2022, graças ao trabalho do técnico, o clube paulista disputou a competição no atual formato pela primeira vez na história.

Com uma filosofia de exigir o máximo de seus atletas, buscando consciência coletiva e crescimento individual dentro de um bom ambiente de trabalho, o novo comandante da Serpente diz que a experiência que teve em diversas comissões técnicas foi fundamental para que ele evoluísse e encontrasse seu perfil como técnico.

“Desde o início do meu trabalho, elaborei um plano de carreira e optei por seguir um passo a passo dentro do meu planejamento. Passei por todas as categorias inferiores, desde o sub-11 até o sub-20, porque o meu objetivo inicial era entender melhor a formação do atleta. Posteriormente, atuei nas quatro divisões do país e trabalhei nos campeonatos brasileiros das séries D, C, B e A. Aprendi com cada comissão técnica e fui moldando a minha filosofia, forma de gerenciar o grupo e metodologias de trabalho. Sou jovem e sei que ainda tenho muito a evoluir, mas estou extremamente preparado e maduro para realizar esse novo projeto e, junto com a nossa diretoria e torcida, levar o Cascavel às conquistas das metas pré-estabelecidas”, disse.

O novo treinador foi escolhido depois de um criterioso processo de seleção. Mais de dez profissionais foram entrevistados pela diretoria e dezenas de nomes foram analisados.

Ademir Fesan chega com a missão de classificar o time no Campeonato Paranaense, conquistar uma vaga na Copa do Brasil e, principalmente, brigar pelo acesso na Série D do Campeonato Brasileiro.

O técnico deverá ser apresentado nos próximos dias e participará da montagem do elenco para a próxima temporada.

“Queríamos um técnico que se encaixasse no perfil do clube e a escolha pelo Ademir foi dentro deste propósito. Ele é muito competente e talentoso. É um profissional experiente, esteve ao lado de grandes treinadores, conhece muitos jogadores, e tem uma visão moderna do futebol. Tenho certeza que vai nos ajudar muito”, disse o gerente executivo de futebol do Cascavel, Marcus Vinicius Beck Lima.