Gustavo Morínigo não é mais técnico do Coritiba após nova derrota

Após a derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG neste domingo (14), o técnico Gustavo Morínigo foi demitido do comando técnico do Coritiba. A informação foi confirmada pelo presidente do clube, Juarez Moraes e Silva, logo após o fim do jogo, e por meio de nota publicada no site oficial do Coxa.

Além de Morínigo, o head esportivo Renê Simões também foi desligado do clube, assim como os auxiliares Roberto “Toro” Acuña e Diosnel Burgos, e o preparador físico Gonzalo Llanos.

“Gustavo Morínigo foi o primeiro e até aqui único técnico da gestão, chegando ao Coxa no início de janeiro, em 2021. O treinador paraguaio comandou o Verdão por 99 jogos, conquistando 43 vitórias, 22 empates e acumulando 34 derrotas, com 130 gols marcados e 112 sofridos”, destaca o comunicado oficial.

René Simões assumiu a função de head esportivo no início da temporada de 2022, trabalhou na montagem do elenco alviverde e também foi desligado após o jogo contra o Galo, pela 22ª rodada do Brasileirão.

“O Coritiba agradece à todos pelo trabalho prestado e deseja sorte aos profissionais nos próximos desafios”, finaliza a nota do Coritiba.