Castilho enaltece entrega do time após expulsão no primeiro tempo

O treinador do Maringá, Jorge Castilho, avaliou como positiva a postura dos jogadores na primeira partida das quartas de final do Campeonato Paranaense. Apesar da derrota de virada por 2 a 1 para o FC Cascavel, o técnico elogiou o desempenho do time e lamentou a expulsão do lateral Paulinho ainda aos 25 minutos do primeiro tempo.

“É muito difícil você jogar com um jogador a menos desde os 25 minutos da primeira etapa, sem dúvida isso fez a diferença. Enquanto estávamos 11 contra 11, estávamos muito bem no jogo, com nossa proposta sendo colocada em prática e inclusive saímos na frente no placar”, avalia Castilho. O treinador ainda enalteceu a entrega dos jogadores mesmo diante da mudança tática que foi adotada com um jogador a menos em campo.

“O Cascavel é uma equipe muito qualificada então foi importante termos suportado bem a pressão deles, mesmo tendo tomado a virada. O resultado ainda está em aberto, vamos para Cascavel buscar a vitória e confio muito em todos os atletas que estão aqui”, completa Castilho.

O jogo de volta das quartas de final está agendado para as 16 horas desta quinta-feira (20) no Estádio Olímpico Regional, em Cascavel. O time da casa terá a vantagem de jogar pelo empate. Como não há gol qualificado no Campeonato Paranaense, uma vitória do Maringá por um gol de diferença leva a decisão da vaga para as semifinais para os pênaltis. Para avançar, o time do Norte precisa vencer por pelo menos dois gols de diferença.