STJD concede liminar e adia jogo entre Paraná e Athletico pelas quartas

Está suspenso o jogo entre Paraná Clube e Athletico, que estava previsto para acontecer na tarde desta segunda-feira (17) e seria válido pelas quartas de final do Campeonato Paranaense. A decisão é do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e pedido da diretoria do Furacão com o argumento de que o intervalo entre as partidas não obedece o mínimo estabelecido pela CBF.

A alegação dos advogados do Athletico é de que a Federação Paranaense de Futebol (FPF) não obedece o tempo de 66 horas entre duas partidas. “CONCEDO a tutela de urgência vindicada, no sentido de deferir a liminar perseguida no Mandado de Garantia processado na origem, suspendendo a partida do CAP designada para o dia 17/05/2021, e determinando então que a Federação local observe o Regulamento Geral de Competições de 2021, e se abstenha de calendarizar os jogos do Clube Requerente, com intervalos menores do que 66 horas”, consta na decisão assinada por Otávio Noronha, presidente do STJD.

A FPF divulgou nesta tarde a tabela atualizada do jogo de volta das quartas de final, adiando as partidas de quarta (19) para quinta-feira (20), mas sem indicar a data do clássico entre Tricolor e Rubro-Negro. A liminar suspendeu apenas a partida entre os dois times de Curitiba, mas os outros jogos (Azuriz x Operário, Londrina x Cianorte e Maringá x FC Cascavel) aconteceram normalmente, embora todos esses times também tenham jogado no sábado e entraram em campo com apenas 48 horas de intervalo entre os jogos.