Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

City sai na frente, mas cede empate ao Middlesbrough e tem liderança ameaçada

Um gol nos acréscimos do segundo tempo pode custar a liderança do Campeonato Inglês ao Manchester City. Neste sábado, diante da torcida no Etihad Stadium, o time comandado por Joseph Guardiola saiu na frente, mas cedeu o empate por 1 a 1 com o Middlesbrough, pela 11ª rodada.

O resultado elevou o City à liderança isolada da competição, com 24 pontos, mas a posição é ameaçada por Arsenal e Liverpool, que têm 23 pontos cada e entram em campo no domingo, contra Tottenham e Watford, respectivamente. Já o Middlesbrough foi a 11 pontos, no 14º lugar do Campeonato Inglês.

A partida começou com domínio do Manchester City, como esperado. Aos 20 minutos, as principais chances de gol haviam sido dos donos da casa. Primeiro, Gündogan recebeu na entrada da área, mas bateu nas mãos do goleiro Victor Valdés. Pouco depois, Fernandinho tentou de longe e mandou para fora.

A pressão do City aumentou com o passar do tempo, mas Valdés apareceu muito bem para evitar que o placar fosse aberto. Kolarov, aos 23, De Bruyne, aos 24, Agüero, aos 31, e David Silva, aos 34, tiveram ótimas oportunidades, mas pararam no arqueiro, que reencontrou do outro lado Guardiola, seu técnico nos tempos de Barcelona.

Pressionado, Valdés ainda chegou a receber atendimento médico após levar um corte na coxa por conta de uma dividida com Navas. Em seguida, aos 42 minutos do primeiro tempo, o goleiro foi batido. De Bruyne fez o cruzamento pela direita e Agüero, entre os dois zagueiros adversários, esticou a perna para mandar para as redes.

Já no segundo tempo, o Middlesbrough foi a campo mostrando que estava disposto a surpreender. Logo no primeiro minuto, Negredo roubou a bola e chutou do meio de campo, por cobertura. No entanto, Bravo conseguiu se recuperar e mandou para escanteio. Aos quatro, Traoré deixou Forshaw na cara do gol, mas o goleiro saiu bem e fez nova defesa.

Após os sustos no início da segunda etapa, o City passou a marcar mais adiantado, esperando pelo erro do adversário. Mas as chances de gol só surgiram depois dos 40 minutos, quando Agüero dominou na marca do pênalti, mas chutou por cima do gol. Aos 44, Valdés saiu mal do gol para cortar lançamento e deixou a meta aberta, De Bruyne ficou com a sobra, mas bateu mal, para fora.

Depois das duas chances desperdiçadas pelo Manchester City, o Middlesbrough apareceu para castigar o adversário. George Friend avançou pelo lado esquerdo e cruzou na medida para De Roon subir sozinho e cabecear forte para as redes: 1 a 1.

Na sequência do Campeonato Inglês, o Manchester City volta a campo no próximo sábado, quando encara o Crystal Palace fora de casa. Já no dia seguinte, o Middlesbrough recebe o Chelsea.

OUTROS RESULTADOS - Ainda neste sábado, o lanterna Sunderland conquistou sua primeira vitória ao bater o Bournemouth por 2 a 1, com um jogador a menos. Steven Pienaar havia sido expulso quando a partida ainda estava 1 a 1, e Jermain Defoe apareceu para marcar o gol do triunfo.

Jogando em casa, o Burnley levou um susto, mas superou o Crystal Palace por 3 a 2. Os anfitriões abriram o placar com Vokes e Gudmundsson, mas Wickham e Benteke conseguiram empatar. Já aos 45 minutos do segundo tempo, Barnes deu números finais ao marcador.

Atuando no Estádio Olímpico de Londres, o West Ham ficou apenas no empate por 1 a 1 com o Stoke City. Michail Antonio balançou as redes para os donos da casa e Bojan Krkic foi o artilheiro da tarde para os visitantes. Mais uma vez o técnico do West Ham optou por deixar no banco o atacante Jonathan Calleri, que atuou pelo São Paulo no primeiro semestre de 2016.