Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Com golaço nos acréscimos, Paraná vence de virada e entra no G4

(Foto: Paraná Clube) - Com golaço nos acréscimos, Paraná vence de virada e entra no G4
(Foto: Paraná Clube)

A Vila Capanema recebeu um dos jogos mais emocionantes da Série B, na noite deste sábado (16). O Paraná foi ofensivo os 90 minutos e o Londrina mostrou os motivos pelos quais é tão perigoso jogando como visitante. O Tubarão saiu vencendo em um contra-ataque finalizado por Artur, mas logo depois Vitor Feijão empatou, ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, a torcida empurrou, apoiou, gritou e a vitória paranista veio dos pés de Renatinho, aos 46 minutos, com um golaço que colocou o time no G4.

Com o resultado, o Tricolor chegou aos 40 pontos, na quarta colocação. O Londrina segue com 33 pontos, na décima posição.

Jogo emocionante e um gol para cada lado

O Paraná tomou as rédeas da partida desde o primeiro minuto e o goleiro César via a bola rondar a meta alviceleste a todo momento. Logo aos dois minutos, após sobra depois do escanteio, Igor chutou e o goleiro do Tubarão fez a defesa.

Aos 5 minutos, Renatinho fez boa jogada e arriscou de fora da área, mas a bola passou a direita da meta.

Aos 14 foi a vez de Vitor Feijão tentar. Após cruzamento da esquerda, o atacante cabeceou e quase abriu o marcador.

Mas o Londrina sabe contra-atacar muito bem. Aos 15 minutos, Carlos Henrique ganhou no meio e tocou para Artur ganhar na corrida e tocar por baixo do goleiro Richard, abrindo o marcador para o Londrina.

O Paraná sabia que precisava continuar atacando e sem perder a paciência. Quando a torcida diminuiu o ritmo, Vitor Feijão fez ela explodir novamente. Aos 24 minutos, Alemão cruzou, César afastou e o atacante, de fora da área, bateu forte, rasteiro, no canto, empatando a partida na Vila Capanema.

Depois disso, o Paraná dominou e quase virou aos 35. Brock desviou o cruzamento e a bola bateu no ferro de sustentação da trave.

Aos 41, Feijão chutou forte e César conseguiu jogar para escanteio.

Antes do apito final, Alemão teve a melhor chance para virar. Cristovam cruzou na medida para o camisa 9 chutar, mas ele pegou mal na bola e isolou.

Paraná tenta, Londrina recua e Renatinho faz gol de placa

O segundo tempo teve a mesma tônica do primeiro, com o Paraná atacando, buscando o gol, e o Londrina tentando o contra-ataque para surpreender.

Logo aos 2 minutos, João Pedro cobrou falta com perfeição, mas César fez uma excelente defesa para evitar a virada paranista.

Aos 6, Feijão tentou o chute no rebote do escanteio, mas bateu mal e por cima do gol.

Aos 19, Cristovam fez boa jogada e Alemão finalizou, mas a bola passou a esquerda de César, tirando o ‘uhhh’ da torcida.

O Londrina conseguia se defender com eficiência, mas não conseguia atacar, pois a pressão paranista era grande.

O jogo se encaminhava para o final e o empate parecia ser o resultado final, mas aí apareceu o artilheiro do Paraná na temporada. Aos 46 minutos, Renatinho recebeu na esquerda, cortou a marcação para a direita e bateu do canto da área, com categoria, a bola bateu ainda no travessão e na trave antes de balançar a rede e fazer explodir a Vila Capanema com a virada nos acréscimos.

No apito final, a festa nas arquibancadas com recorde de público na Vila no ano, 14 mil torcedores.