Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Com gols de Safira e Germano, Londrina vence e é o 4º

(Foto: Gustavo Oliveira / SM Sports) - Com gols de Safira e Germano, Londrina vence e é o 4º
(Foto: Gustavo Oliveira / SM Sports)

Após um começo complicado no Campeonato Paranaense e a precoce eliminação da Copa do Brasil, o Londrina reencontrou o caminho das vitórias e venceu o PSTC em partida adiada do estadual e agora é o 4º colocado da competição com sete pontos, mesma pontuação de JMalucelli (3º) e Coritiba (5º). Os gols da partida foram marcados no segundo tempo. Aos 11, Safira anotou o primeiro e aos 42, Germano converteu a cobrança de pênalti.

Na próxima rodada, o Tubarão encara o Cascavel, no sábado (25), às 17h, no Olímpico Regional – o jogo foi adiado para esta data por pedido da TV. O Rio Branco vai até o Albino Turbay enfrentar o Cianorte, às 17h, no domingo (19).

Tubarão é melhor, mas não abre o placar

O Londrina dominou as ações durante todo o primeiro tempo, mas pecou na finalização. Aos dez minutos, Paulo Rangel recebeu de Gava, saiu da marcação e dentro da área chutou à esquerda do goleiro Dalton.

Aos 17, Rafael Gava cruzou, Marcondes desviou e acertou a trave, no rebote, Rangel bateu de primeira, mas a bola passou por cima do gol.

O Rio Branco, acuado, chegou apenas no final da primeira etapa. Aos 38 minutos, Minho fez jogada pelo meio e bateu de fora da área, mas sem sustos para o goleiro Alan.

Safira marca e Germano amplia

O Leão da Estradinha voltou para a segunda etapa assustando. Logo aos seis minutos, Fidel avançou, invadiu a área pelo lado esquerdo, mas chutou em cima do goleiro.

Pouco tempo depois, aos onze minutos, a alegria Alviceleste. Rafael Gava cruzou, Marcondes e Rangel tentaram o cabeceio e a bola bateu em Safira antes de entrar e abrir o placar no Estádio do Café.

O Rio Branco quase empatou aos 17. Rafael Tavares chutou forte da entrada da área e Alan se esticou para tirar com a ponta dos dedos e salvar o Tubarão.

O Londrina ainda teve a chance de marcar o segundo, aos 21, com Rafael Gava, mas o atacante, livre, desperdiçou a chance.

 Aos 38 minutos, o atacante foi derrubado na área e o juiz marcou a penalidade. Após muita reclamação do Rio Branco e a expulsão de Thiago Santos, Germano bateu e ampliou para o Tubarão, dando números finais à partida.