Gabigol e Arrascaeta são absolvidos e podem enfrentar o Athletico na Copa do Brasil

O meia-atacante Arrascaeta e o atacante Gabigol estão liberados para encarar o Athletico-PR pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Os dois atletas foram julgados na manhã desta terça-feira (16) pelo STJD por lances ocorridos na parte de ida do confronto eliminatório contra o Furacão. A dupla foi absolvida pelo órgão.

Presidente da comissão, Carlos Eduardo Cardoso acompanhou o relator do caso, Washington Rodrigues, pela absolvição dos atletas. Os auditores Iuri Engel e Marcelo Vieira optaram por não reconhecer a denúncia.

“Teríamos que ter um observador da procuradoria em todos os jogos, de todas as séries? Ficaria inviável. Entendo que nesse caso a denúncia pode ter entendido que houve uma interpretação equivocada dos lances. Cada um tem a sua análise. Mas entendo que a gravidade teria que ter sido observada pelo árbitro e pelo VAR”, considerou Carlos Eduardo Cardoso.

Gabigol foi julgado pelo STJD por ter dado um chute em Fernandinho, volante do Athletico-PR. O atleta foi denunciado por agressão. Arrascaeta foi enquadrado por conduta violenta. No jogo de ida, o uruguaio acertou um carrinho por trás no meia Erick.

Com as respectivas absolvições, o técnico Dorival Júnior pode contar com a dupla na partida decisiva desta quarta-feira (17), na Arena da Baixada, em Curitiba. Depois do empate por 0 a 0 no jogo de ida, o Flamengo necessita de uma vitória contra o Athletico-PR para se classificar no tempo regulamentar. Um novo empate leva o duelo para os pênaltis.

Informações do SBT Sports