Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

Curitiba, PR
Clima
22.4ºC
Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

Brasil resolve no 1º tempo, goleia a Coreia e encara a Croácia nas quartas de final

Redação

Redação

O Brasil venceu a Coreia do Sul por 4 a 1 e está classificado para as quartas de final da Copa do Mundo. Com gols de Vini Jr, Neymar, Richarlison e Paquetá, a Canarinho passou com tranquilidade sobre os asiáticos na noite desta segunda-feira (5), no último jogo do Estádio 974, em Doha. O gol da Coreia foi marcado por Paik. A equipe brasileira vai enfrentar a Croácia na próxima etapa decisiva.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A Seleção Brasileira começou implacável o jogo decisivo contra os coreanos no Estádio 974, em Doha. Muita marcação sem a bola e objetividade com a posse dela. O ritmo acelerado rendeu resultado logo aos seis minutos do duelo. Vini Jr abriu o placar para o Brasil, após bola cruzada por Raphinha, pela direita. O camisa 20 fez seu segundo gol na Copa.

Richarlison sofreu pênalti aos 10 minutos. Ele se adiantou ao zagueiro em bola tocada por Neymar e foi derrubado. O camisa 10 foi para a cobrança e ampliou o placar., deslocando o goleiro coreano. Marcou seu sétimo gol em 12 jogos em Copas do Mundo. Entrou para o rol de jogadores que conseguiu marcar gols em três mundiais.

Alisson apareceu aos 16 minutos para fazer sua primeira grande defesa na Copa do Mundo. De mão trocada, buscou bola batida com perigo pelo sul-coreano.

Se eles depositavam esperança em Son, o Brasil tinha RicharliSon. O camisa 9 brigou pela bola, tabelou com Marquinhos e recebeu na frente de Thiago Silva. Foi só escolher o canto para marcar seu terceiro gol na Copa: 3 a 0 antes dos 30 minutos do primeiro tempo. Até o técnico Tite se rendeu e fez a dança do Pombo.

Aos 35 minutos, Lucas Paquetá marcou o quarto gol. Vini Jr cruzou na medida para o camisa 7 só escorar para o gol, de direita.  O meia voltou a fazer um gol contra os sul-coreanos. Em 2019, ele marcou um dos gols brasileiros em amistoso contra os asiáticos. Nos acréscimos, ainda deu tempo para Richarlison arrancar pela direita e chutar cruzado, mas o goleiro defendeu.

O Brasil voltou sem alterações para o segundo tempo. Com o placar elástico construído na primeira etapa, a Seleção Brasileira teve postura mais reativa, buscando aproveitar os contra-ataques, já que só restou aos sul-coreanos partirem para o tudo ou nada.

Raphinha quase ampliou o placar aos 54 minutos. Fez ótima jogada individual pela direita, driblou a zaga e chutou cruzado. Goleiro defendeu. Dois minutos depois, o camisa 11 bateu falta e a barreira afastou para escanteio.

Aos 17 minutos do segundo tempo, Tite fez a primeira mexida no time. Entrou Dani Alves no lugar de Eder Militão.

Alisson fez outra grande defesa na partida, na segunda finalização mais clara dos asiáticos no confronto. O camisa 1 espalmou chute à queima roupa. Entraram Bremer e Martinelli nos lugares de Danilo e Vini Jr.

Aos 30 minutos, Coreia descontou com Paik, em chute de fora da área. A bola desviou e tirou chance de defesa do goleiro Alisson. Mais duas substituições: Weverton e Rodrygo entraram no jogo. Saíram Alisson e Neymar. Nos últimos minutos, Dani Alves recebeu passe de `Martinelli e lançou um lindo voleio, mas a defesa conseguiu cortar para escanteio.

O próximo jogo do Brasil na Copa do Mundo será contra a Croácia que, mais cedo, eliminou o Japão na disputa por pênaltis. A partida será na sexta-feira (9) às 12 horas.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Ative as notificações e fique por dentro das notícias

Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia