Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Corinthians e Chapecoense empatam sem gols e definem queda do Vitória

Na despedida da sua arena em Itaquera na temporada de 2018, o Corinthians não passou de um empate por 0 a 0 contra a Chapecoense, neste domingo, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. A igualdade provocou o rebaixamento do Vitória, o segundo clube a cair na competição - o outro foi o Paraná.

O resultado também levou o time de Jair Ventura aos 44 pontos, na 12ª colocação. Com essa pontuação, o empate do Ceará (com o Atlético-PR, na Arena da Baixada) e a derrota do Vasco (para o Palmeiras, em São Januário), a permanência na Série A está assegurada. O foco agora é garantir uma vaga para disputar a Copa Sul-Americana e tentar reforçar o caixa financeiro no próximo ano.

Na última rodada, com todos os jogos sendo realizados no domingo, com início às 17 horas, a Chapecoense recebe o São Paulo na Arena Condá. O time catarinense, que luta contra a degola, ocupa a 16ª posição, com 40 pontos. O Corinthians vai a Porto Alegre encarar o Grêmio.

o último jogo do ano do Corinthians diante da sua torcida também marcou a despedida de dois ídolos do Corinthians: Emerson Sheik (vai encerrar a carreira) e Danilo (que não terá o contrato renovado). Ambos foram muito aplaudidos quando entraram em campo no segundo tempo.

A partida refletiu os problemas de criatividade ofensiva que afetaram o Corinthians durante todo o campeonato. Com um dos piores ataque da competição (34 gols), o time encontrou dificuldades para criar, empurrar a Chapecoense contra seu campo de defesa, prejudicando a atuação de Romero, que ficou isolado entre os zagueiros.

Com o meio congestionado, faltou força ofensiva pelas laterais do campo para abrir espaços e tentar chegar ao gol de Jandrei. O goleiro não fez uma única defesa importante no jogo.

O time catarinense, lutando contra o rebaixamento, adotou uma postura cautelosa. Pouco se arriscou no ataque e, quando pressionado, não teve maiores dificuldades para desarmar o ataque corintiano.

A melhor chance da partida foi da Chapecoense e saiu através de uma cobrança de falta. Aos 30 minutos da etapa inicial, Leandro Pereira cabeceou e Cássio defendeu quase em cima da linha do gol. Assim, o duelo terminou sem gols.

FICHA TÉCNICA:

CORINTHIANS 0 x 0 CHAPECOENSE

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Thiaguinho, Mateus Vital (Emerson Sheik), Jadson e Pedrinho (Rafael Bilu); Romero (Danilo). Técnico: Jair Ventura.

CHAPECOENSE - Jandrei; Eduardo, Douglas, Fabricio Bruno e Bruno Pacheco; Amaral, Marcio Araújo, Canteros (Osman) e Diego Torres (Elicarlos); Wellington Paulista e Leandro Pereira (Nenén). Técnico: Claudinei Oliveira.

ÁRBITRO - Paulo Roberto Alves Junior (PR)

CARTÕES AMARELOS - Ralf, Emerson Sheik e Diego Torres.

RENDA - R$ 1.219.472,00.

PÚBLICO - 35.888 torcedores.

LOCAL - Arena Corinthians, em São Paulo (SP).

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo