Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Coritiba leva empate do Juventude no fim e segue sem vencer fora de casa

(Foto: Colaboração) - Coritiba leva empate do Juventude no fim e segue sem vencer fora
(Foto: Colaboração)

Em jogo fraco e truncado, o Coritiba perdeu a chance de garantir três pontos fora de casa na noite desta segunda-feira (11), diante do Juventude, em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha. O atacante Guilherme Parede abriu o marcador no fim da segunda etapa, mas o Coxa sofreu o empate nos últimos minutos, no estádio Alfredo Jaconi. O duelo abriu a 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Jogo truncado

O primeiro tempo contou com uma polêmica logo aos 13 minutos de jogo. Leandro Lima cobrou um escanteio do lado esquerdo, Fred cabeceou e a bola rebateu no meio-campista Vinicius Kiss. Os jogadores do Juventude pediram por um toque de mão do atleta, que foi negado pelo juiz. Três minutos depois, os caxienses chegaram ao ataque com chute firme de Guilherme Queiroz, para defesa do goleiro Wilson, que salvou o Coritiba também aos 25’, quando Leandro Lima bateu no canto direito.

Com jogo truncado no meio-campo, o Coxa apareceu com maior perigo aos 33’, quando Yan Sasse recebeu de Alisson Farias bem na entrada da área e bateu forte na meta defendida por Matheus Cavichioli, mas a bola passou longe do gol, por cima da trave. Três minutos depois foi vez de os donos da casa responderem, com Ricardo Jesus chutando firme para defesa de Wilson.

Já no fim da primeira etapa, o Coritiba passou perto de abrir o marcador. Após fazer linda jogada, Alisson Farias tocou para Simião que apareceu sozinho do lado esquerdo, mas o chute parou nas mãos do goleiro do Juventude.

Coxa abre marcador, mas sofre empate

O segundo tempo da partida começou com uma boa chance para o Coritiba, que chegou ao ataque logo aos 5’ com Pablo Thomaz. O atacante tentou se esticar para marcar o gol após receber de William Matheus, mas chutou para fora. Dois minutos depois, um erro de saída de bola da zaga coxa-branca quase entregou o ouro para os donos da casa: Ricardo Jesus tocou da direita para Guilherme Queiroz, que precisava somente empurrar a bola para abrir o marcador, mas errou e mandou para fora.

A partida permaneceu fria até que o atacante Guilherme Parede substituiu Iago aos 27’ e, seis minutos depois, balançou a rede para o Coxa. Após receber um lançamento perfeito de Simião, Guilherme Parede dominou e bateu sem chance de defesa, abrindo o marcador em Caxias do Sul.

Os donos da casa pressionaram e, aos 42’, chegaram ao empate com gol de falta de Fred, que bateu na gaveta sem deixar chances para Wilson. Os caxienses chegaram a reclamar de um toque de mão de Thalisson Kelven na área já nos acréscimos, mas o juiz mandou o jogo seguir.

Sentiu

O volante alviverde Vitor Carvalho começou a sentir o tornozelo já no início da partida, e chegou a ficar caído no campo aos 11’. Quatro minutos depois, o jogador precisou ser substituído pelo técnico Eduardo Baptista, pois não aguentou a dor.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo