Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Coxa estreia com goleada em cima do Cianorte na Taça Dirceu Krüger

(Foto: Divulgação/Assessoria) - Coxa estreia com goleada em cima do Cianorte na Taça Dirceu Krüger
(Foto: Divulgação/Assessoria)

O Coritiba, vice-campeão da Taça Barcímio Sicupira, estreou neste domingo (10) com goleada na Taça Dirceu Krüger, diante do Cianorte, no Estádio Municipal Olímpico Albino Turbay, em Cianorte. A primeira partida do alviverde no segundo turno do Campeonato Paranaense encerrou com o placar de 4 a 0, com dois gols de Rodrigão, um de Giovanni e um de Alan Costa.

No próximo domingo (17), às 16h, o Coxa enfrenta o Cascavel, no estádio Major Antônio Couto Pereira.

Pressão coxa-branca

Já no primeiro minuto de bola rolando, o Coxa teve a primeira chance de gol após um erro do Cianorte: Rodrigão limpou do goleiro e ficou cara a cara para marcar, mas a bola foi para a rede pelo lado de fora. Pouco depois, Juan Alano tentou o passe para Rodrigão, que ficou caído pedindo a falta, mas a arbitragem nada assinalou. Juan Alano também arriscou de fora da área, após dominar no peito, porém a bola subiu muito.

Aos 15’ de jogo, Felipe Mattioni precisou deixar o campo e foi substituído por Vitor Carvalho. Logo depois, Giovanni arriscou de longe e a bola fez uma curva com efeito, obrigando o goleiro Veloso a mandar para escanteio. Aos 31’, em uma jogada bem trabalhada, Patrick Brey passou para Giovanni, que mandou uma bomba novamente por cima do gol. As primeiras chances do Verdão mostravam que o Coritiba queria impor o jogo mesmo fora de casa. Já o Cianorte tentava armar as jogadas no ataque, mas era parado pelo sistema defensivo coxa-branca.

De tanto tentar, o Coxa encontrou o primeiro gol após Matheus Bueno dar um passe na medida para Rodrigão, que recebeu e mandou com qualidade para as redes. E aí, o segundo não demorou a sair: em contra-ataque rápido, Thiago Lopes pela direita passou para Giovanni completar e comemorar com a equipe. Antes mesmo do apito final da primeira etapa, o Coritiba fez mais um após cobrança de falta de Giovanni. Alan Costa subiu mais que todo mundo e cabeceou para o gol, marcando o terceiro do alviverde.

Goleada

Com vantagem no placar, o Coritiba começou a segunda etapa administrando jogo, com tentativas de aumentar o placar. O time da casa, por sua vez, buscava se reinventar, mas nas chegadas mais agudas, parou nas defesas do goleiro Alex Muralha, como no chute de Matheus Nego, aos 11’.

No minuto seguinte, o Coxa balançou as redes novamente com Rodrigão, mas o árbitro assinalou o impedimento na jogada, anulando o gol. Mas seria dos pés dele, novamente, que o Coxa faria mais um. Thiago Lopes passou para Rodrigão, que caiu e mesmo assim conseguiu fazer seu segundo gol no jogo, o quarto do Coritiba.

Informações Assessoria Coritiba

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo