Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Depois de marcar 5 gols em um jogo, Aduriz é novidade na convocação da Espanha

(Foto: Getty Images) - Aduriz é novidade na convocação da Espanha
(Foto: Getty Images)

O veterano atacante Aritz Aduriz foi a principal novidade do técnico Julen Lopetegui na convocação da seleção espanhola para os confrontos diante da Macedônia, pelas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2018, e da Inglaterra, em partida amistosa. Nesta sexta-feira, o jogador do Athletic Bilbao foi um dos 25 chamados, um dia depois de marcar cinco gols pela sua equipe na Liga Europa.

Aduriz foi o grande nome do futebol europeu na última quinta-feira, quando definiu a vitória do Athletic Bilbao sobre o Genk por 5 a 3, marcando os cinco gols de sua equipe. O desempenho pode ter ajudado no retorno do jogador, mas Lopetegui garantiu que já o considerava antes mesmo da incrível atuação.

"Nós já considerávamos convocar o Aduriz antes dos cinco gols. Ele mostra que tem evoluído. Vai nos prover diferentes opções no ataque", elogiou Lopetegui. O atacante do Athletic fez parte do elenco da Espanha na Eurocopa, mas não era convocado desde então, justamente quando o treinador assumiu o comando da seleção.

Aduriz terá fortes concorrentes na briga por uma posição no ataque, inclusive o brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa, que faz grande início de temporada pelo Chelsea e voltou a receber chances na seleção. Nolito, também em boa fase pelo Manchester City, Vitolo, do Sevilla, Callejón, do Napoli, e Morata, do Real Madrid, são as outras opções para o setor.

Lopetegui precisou dar chances a novas peças por conta dos muitos desfalques que tem, todos por lesão. Os zagueiros Sergio Ramos e Gerard Piqué, os meio-campistas Iniesta e Javi Martínez e o lateral Jordi Alba, nomes constantemente convocados, estão fora. Com isso, além de Aduriz, ganharam chances Juan Mata, Sergio Asenjo, Marc Bartra e César Azpilicueta, além de Sergio Escudero, chamado pela primeira vez.

Até por conta dos problemas por lesão, havia a expectativa para os possíveis retornos do goleiro Iker Casillas e do atacante David Villa, mas não se confirmou. A Espanha recebe a Macedônia no próximo dia 12, em Granada. Três dias mais tarde, viaja para encarar a Inglaterra em um amistoso em Londres.

Confira a lista de convocados da seleção espanhola:

Goleiros: David de Gea (Manchester United), Pepe Reina (Napoli), Sergio Asenjo (Villarreal).

Defensores: Marc Bartra (Borussia Dortmund), Nacho Fernández (Real Madrid), César Azpilicueta (Chelsea), Dani Carvajal (Real Madrid), Sergi Roberto (Barcelona), Íñigo Martinez (Real Sociedad), Nacho Monreal (Arsenal), Sergio Escudero (Sevilla).

Meio-campistas: Sergio Busquets (Barcelona), David Silva (Manchester City), Thiago Alcântara (Bayern Munich), Koke (Atlético de Madrid), Juan Mata (Manchester United), Ander Herrera (Manchester United), Isco (Real Madrid).

Atacantes: Álvaro Morata (Real Madrid), Lucas Vázquez (Real Madrid), Nolito (Manchester City), Jose Callejón (Napoli), Diego Costa (Chelsea), Vitolo (Sevilla), Aritz Aduriz (Athletic Bilbao).

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo