Senegal garante vaga na Copa do Mundo nos pênaltis; Gana também se classifica

(Reuters) – Sadio Mané marcou a penalidade que garantiu a vitória de Senegal sobre o Egito por 3 x 1 nos pênaltis no final de uma tempestuosa partida de volta na disputa por uma vaga na Copa do Mundo, nesta terça-feira em Dacar, assegurando um lugar no torneio do Catar no final deste ano.

Boulaye Dia marcou aos 4 minutos e o Senegal venceu a partida de volta por 1 x 0, empatando em 1 x 1 no agregado após a prorrogação no novo Estádio Olímpico, que estava lotado com capacidade para 50.000 pessoas horas antes do pontapé inicial.

A disputa de pênaltis nervosa começou com quatro erros, incluindo de ambos os capitães –Kalidou Koulibaly e depois Mohamed Salah–, mas Mané converteu sua cobrança, repetindo o heroísmo da final da Copa das Nações Africanas do mês passado.

O Egito havia marcado um gol aos 4 minutos na última sexta-feira na partida de ida no Cairo, mas essa vantagem foi rapidamente apagada no jogo de volta.

A cobrança de falta de Idrissa Gana Gueye foi desviada na direção errada pelo defensor egípcio Ahmed Fattouh, direto para Dia, que precisou de duas tentativas para balançar a rede.

Outra seleção africana que garantiu vaga na Copa do Catar foi Gana, que empatou em 1 x 1 com a Nigéria e se classificou pela regra do gol fora de casa depois do empate sem gols no primeiro jogo.

A seleção de Gana voltará ao Mundial após três participações seguidas entre 2006 e 2014.