Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Em jogo fraco, Paraná e Paysandu não saem do zero

(Foto: Arquivo/William Bittar) - Em jogo fraco, Paraná e Paysandu não saem do zero
(Foto: Arquivo/William Bittar)

O Paraná Clube entrou em campo na noite desta sexta-feira (19) para enfrentar o Paysandu, na Vila Capanema, pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Tentando aproveitar o jogo a mais que tem em relação aos outros clubes, o time paranista queria a vitória para se manter na ponta da tabela, mas com um futebol bem abaixo do esperado, as duas equipes não apresentaram um bom futebol e não saíram do zero a zero.

Com o resultado, o Tricolor chegou aos cinco pontos enquanto o Papão está com quatro, na tabela de classificação, mas com um jogo a menos.

Paraná tenta, mas Paysandu se defende bem

O primeiro tempo foi de poucas oportunidades, mas com o Paraná dominando a partida e o Paysandu utilizando a forte marcação e tentando o contra-ataque.

O time paranista só chegou com perigo aos 35 minutos da primeira etapa. Rayan roubou a bola no campo de ataque, tocou para Minho que achou Daniel Morais, o camisa 9 dominou e fez o giro para chutar, mas o goleiro Marcos fez boa defesa e evitou o gol.

Aos 40 minutos, Renatinho arriscou de fora da área e a bola passou perto da trave do time do Papão.

Jogo ganha emoção, mas equipes não marcam

Na segunda etapa o Paysandu apareceu mais no ataque. Logo aos seis minutos, Wellington Junior saiu cara a cara com o goleiro Leo, tocou por cima, mas Igor apareceu para afastar a bola que tinha endereço certo.

Aos 9 minutos, Wesley aproveitou a cobrança de escanteio e cabeceou sozinho, mas o goleiro paranista faz boa defesa para evitar o gol.

Com o jogo mais acelerado, Cristian de Souza promoveu a entrada de Robson no lugar de Guilherme Biteco e o Paraná apareceu mais no ataque.

Aos 16 minutos, Leandro Vilela recebeu na área, girou e bateu forte, para boa defesa de Marcos. Três minutos depois, Robson aproveitou a sobra na entrada da área e chutou, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Com pouca criatividade, o Paraná só chegou novamente aos 40 minutos. Leandro Vilela aproveitou a sobra e chutou de fora da área, mas a bola foi para fora.

Um minuto depois, Robson tocou para Felipe Alves que cruzou de primeira, mas Daniel Morais chegou atrasado e a bola passou pela pequena área sem ninguém para completar para o gol.

 Mesmo com os cinco minutos de acréscimo do árbitro, os times não conseguiram criar mais as chances e a partida acabou sem gols.