Fifa estende permissão de trabalho para jogadores que atuavam na Ucrânia

A Fifa comunicou nesta terça-feira (21) que jogadores que atuavam na Ucrânia, país que está em guerra com a Rússia, estão liberados para estender contratos temporários com outros clubes até junho de 2023. A medida também é válida para treinadores que trabalhavam no país do leste europeu, além de profissionais estrangeiros que estavam em clubes russos.

A decisão tomada pela federação internacional aumenta a liberação anunciada no dia 7 de março deste ano. No comunicado, a Fifa informou que a permissão tem o objetivo “de ajudar efetivamente jogadores, clubes e treinadores afetados pela guerra na Ucrânia”.

No comunicado, a federação internacional também comunicou que permanece monitorando a situação da Ucrânia, que está em guerra com a Rússia há quase quatro meses. A Fifa ainda voltou a condenar os ataques russos, pediu o fim dos conflitos e o retorno à paz. 

Informações do SBT Sports