Hat-trick de Cristiano Ronaldo salva Manchester United em meio à ira de torcedores

MANCHESTER, Inglaterra (Reuters) – O 50º hat-trick de Cristiano Ronaldo na carreira rendeu ao Manchester United uma vitória por 3 x 2 sobre o Norwich City no Campeonato Inglês neste sábado, em meio a cenas de protesto de torcedores no estádio Old Trafford.

Com a derrota do Tottenham Hotspur por 1 x 0 para o Brighton & Hove Albion mais cedo neste sábado, a porta ficou aberta para o United fechar as vagas de qualificação para a Liga dos Campeões com vitória sobre o último colocado, Norwich.

Dois gols no primeiro tempo do veterano Cristiano Ronaldo aparentemente colocaram os anfitriões rumo a uma vitória confortável, com o Norwich lutando para manter o ritmo.

No entanto, o gol de Kieran Dowell nos acréscimos do primeiro tempo trouxe os visitantes de volta ao jogo, antes de o finlandês Teemu Pukki completar o retorno do Norwich e surpreender sete minutos após o intervalo.

Os torcedores que protestavam contra os donos do clube antes da partida estavam cantando “você não está apto para vestir a camisa” no segundo tempo.

O meio-campista francês do United, Paul Pogba, foi vaiado por seus próprios torcedores ao ser substituído, antes de Ronaldo roubar a cena mais uma vez com um gol sensacional a 14 minutos do fim para tirar o United do atoleiro mais uma vez.