Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

Curitiba, PR
Clima
22ºC
Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

LaLiga apresenta denúncia criminal após racismo contra Vinicius Júnior

Redação

Redação

Madri, 03 (AE) – Após críticas de Vinícius Júnior sobre a falta de punições a atos racistas no futebol espanhol, a LaLiga apresentou nesta terça-feira duas denúncias de racismo, uma delas criminal, enviada aos Juizado de Instrução de Valladolid. A outra, por insultos racistas, foi levada até o Comité de Competições da Federação Espanhola de Futebol e para a Comissão Estatal contra a Violência, Racismo, Xenofobia e Intolerância no Esporte.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Na vitória por 2 a 0 do Real Madrid sobre o Valladolid na última sexta-feira, no estádio José Zorrilla, pela 15ª rodada do Campeonato Espanhol, Vinícius Júnior teve vários objetivos arremessados em sua direção ao ser substituído. Também foram ouvidos gritos de “macaco” e “negro de m…” direcionados ao atleta.

Vinícius Júnior criticou a LaLiga por falta de iniciativa na busca pelos infratores e foi respondido pelo presidente da entidade, Javier Tebas, que pediu para o atleta “se informar melhor” sobre as ações de combate ao racismo da LaLiga. O atacante recebeu o apoio de jogadores e técnicos do Campeonato Espanhol, inclusive, de Carlo Ancelotti, treinador do Real Madrid. Após a pressão, a entidade anunciou as denúncias.

“A LaLiga apresentou as denúncias correspondentes aos insultos racistas dirigidos contra o jogador Vinicius Jr na partida entre Real Valladolid e Real Madrid na última rodada, perante os órgãos judiciais, administrativos e esportivos competentes. Uma acusação criminal por crimes de ódio foi apresentada aos Tribunais de Magistrados de Valladolid, apoiada por evidências audiovisuais coletadas na investigação realizada por meio de imagens e clipes de áudio publicados em fontes abertas. A LaLiga também pediu ao Tribunal de Justiça de Valladolid que transfira a denúncia ao Ministério Público de Crimes de Ódio para que participe do caso”, diz a entidade em nota oficial.

No comunicado, reforçou a resposta dada por Tebas a Vini Jr e afirmou que está lutando contra o racismo há anos. “Além disso, e como vem acontecendo há várias temporadas, um relatório dos insultos racistas foi submetido ao Comitê de Competição da RFEF e à Comissão Estadual contra a Violência, o Racismo, a Xenofobia e a Intolerância no Esporte, para ser estudado e avaliado para sanção”.

Por fim, a entidade revela que serão feitas melhorias para acabar com o racismo no Campeonato Espanhol. “Será aumentado o número de autoridades de integridade da LaLiga presentes nos jogos com risco de insultos racistas, de forma a maximizar a detecção e identificação deste tipo de comportamento, que não tem cabimento no desporto. Além disso, em estádios onde haja risco de possível comportamento racista nas arquibancadas, mensagens serão veiculadas por meio de alto-falantes e painéis publicitários ao redor do campo para combater e condenar o racismo. O objetivo da LaLiga é a violência zero no esporte”.

A 16ª rodada do Campeonato Espanhol será realizada a partir do dia 06 de janeiro (sexta-feira). O Real Madrid volta a campo no sábado, diante do Villarreal, no El Madrigal.

Por Estadão Conteúdo.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Ative as notificações e fique por dentro das notícias

Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia