Lewandowski credita Xavi por decisão “fácil” de transferência ao Barcelona

O atacante polônes Robert Lewandowski apontou o treinador do Barcelona, Xavi Hernández, como a principal razão de sua transferência para o Barcelona, dizendo que as ideias e métodos do ex-meia indicam um “futuro incrível” para o clube espanhol.

Lewandowski, que tinha 12 meses restantes em seu contrato com o Bayern, foi negociado com o Barcelona em um acordo de 45 milhões de euros (45,84 milhões de dólares) e se juntou ao time catalão na pré-temporada nos Estados Unidos.

O polônes disse que “sempre quis jogar por um grande clube” no Campeonato Espanhol e saudou Xavi, que chegou durante a última temporada quando a equipe estava em nono lugar e carregou-os para fora de uma crise, alcançando o segundo lugar na classificação.

“Eu estava falando com Xavi e desde o começo eu sabia (o que estava na) sua mente, suas ideias”, disse Lewandowski ao canal do Barcelona. “Foi fácil para mim decidir vir para o Barcelona porque eu sou o cara que quer jogar, que quer vencer, e eu acho que com Xavi isso é muito possível.”

“Ele sabe exatamente como treinar o Barcelona porque ele foi um jogador incrível e agora é também muito bom treinador. Ele tem um futuro incrível e eu quero fazer parte disto também”, acrescentou.

Lewandowski, que ganhou os dois últimos prêmios de Melhor Jogador do Ano da Fifa, é o segundo maior goleador da história do Campeonato Alemão. Ele marcou 348 gols pelo Bayern em oito temporadas, vencendo a liga todos os anos e a Champions League em 2020.

O atleta, de 33 anos, estava forçando uma saída do Bayern desde maio e ficou aliviado depois de ambos os clubes finalmente chegarem a um acordo na semana passada.

“Finalmente estou aqui, estou muito feliz em estar aqui com o Barcelona. Os últimos dias foram muito longos, mas, no fim, o acordo está feito”, afirmou. “Então, agora eu posso focar em um novo capítulo na minha vida, um novo desafio.”