Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Inter supera o Brasil de Pelotas e vence a primeira no Gaúcho

Foto: Ricardo Duarte / Internacional) - Inter supera o Brasil de Pelotas e vence a primeira no Gaúcho
Foto: Ricardo Duarte / Internacional)

Foi no sufoco, com um placar magro, mas o importante para o Internacional foi conseguir a primeira vitória no Campeonato Gaúcho. Assim, no seu quinto jogo na competição, o time finalmente respirou aliviado. Diante de um Beira-Rio com pouco público, a equipe derrotou o Brasil de Pelotas por 1 a 0.

O Inter entrou em campo pressionado, na penúltima colocação na tabela, dentro da zona de rebaixamento, por causa dos resultados das partidas disputadas mais cedo. A vitória, no entanto, levou a equipe para o quinto lugar, com seis pontos. O Brasil de Pelotas caiu para a nona posição, com quatro.

O triunfo ainda melhora os ânimos da equipe antes de entrar em campo para enfrentar o Grêmio. O Gre-Nal está marcado para ser disputado no próximo sábado, na casa do adversário. O Brasil de Pelotas jogará no domingo, dia 5, contra o São Paulo de Rio Grande.

Disposto a quebrar o tabu de vitórias, o Inter entrou em campo pressionando, se mostrando nervoso para conseguir balançar as redes. Nico López criou duas boas oportunidades, mas parou em defesas de Eduardo Martini. De tanto pressionar, a equipe conseguiu tirar o zero do placar aos 36 minutos. Após cobrança de escanteio, Nico López cruzou e Roberson apareceu na área para completar com o peito.

Na segunda etapa, o Brasil de Pelotas equilibrou a partida, mas tinha dificuldades em chegar ao gol de Danilo Fernandes. O técnico Antonio Carlos Zago tentou dar novo fôlego à equipe ao colocar o lateral-direito William em campo.

O jogador chegou a ficar de fora da pré-temporada e pediu para ser negociado com o futebol europeu. Chegou a receber uma proposta do Wolfsburg, mas o acordo não se concretizou. No final da última semana, fez um acordo com a diretoria e foi relacionado. Mas o torcedor não demonstrou paciência com o atleta de 21 anos. Toda vez que pegou na bola foi hostilizado.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo