Dorival recebe pena da Conmebol e não comanda o Flamengo na Libertadores

O técnico do Flamengo, Dorival Júnior, não estará à beira do campo nesta quarta-feira (29) para orientar o elenco rubro-negro no duelo diante o Tolima, pelas oitavas de final da Libertadores.

A Comissão Disciplinar da Conmebol divulgou na tarde desta terça que o treinador foi suspenso por uma partida em razão de “conduta antidesportiva contra jogadores e oficiais adversários” no jogo contra o Independiente, quando ainda comandava o Ceará, no dia 25 de maio, pela Copa Sul-Americana.

Desta maneira, o auxiliar Lucas Silvestre, filho de Dorival, é quem estará à frente do Flamengo no duelo. Segundo o jornalista Venê Casagrande, do SBT Sports Rio, o Rubro-Negro não foi pego de surpresa por ter consultado previamente as condições do treinador na Conmebol. De acordo com Venê, o próprio Dorival já estava ciente da possibilidade.

Informações do SBT Sports.