Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Messi faz três golaços e comanda virada do Barcelona sobre o Sevilla no Espanhol

(Foto: Divulgação/Barcelona) - Messi faz três golaços e comanda virada do Barcelona sobre o Sevilla
(Foto: Divulgação/Barcelona)

O Sevilla lutou, tentou e foi valente diante do Barcelona. No entanto, quando Messi está inspirado, é praticamente impossível bater o time catalão, que saiu perdendo neste sábado, mas com três golaços do craque argentino e um de Suárez, virou e venceu o duelo em Sevilha por 4 a 2. A partida foi válida pela 25ª rodada do Campeonato Espanhol.

A atuação inspirada de Messi, muito diferente da última terça-feira no empate sem gols com o Lyon pela Liga dos Campeões, fez o time da Catalunha somar 57 pontos e abrir uma distância ainda maior na liderança sobre o Atlético de Madrid, segundo colocado, com 10 pontos a menos. O Atlético ainda joga na rodada e, se vencer, volta a diminuir a diferença para sete pontos.

Há quatro jogos sem vencer, o Sevilla, com o novo revés, caiu para a quinta colocação, com 37 pontos. Foi ultrapassado pelo Getafe, que venceu o Rayo Vallecano em casa neste sábado por 2 a 1, foi aos 39 pontos e subiu para o quarto lugar, o último que dá vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Com os três gols deste sábado, Messi chegou aos 650 em 797 jogos na carreira e também alcançou a marca de 50 jogos em que balançou as redes por três vezes (44 com o Barcelona e seis com a seleção argentina). O Sevilla é a maior vítima do craque, que já fez 36 gols e deu 16 assistências em 37 partidas contra o rival espanhol.

Jogando em casa, diante de mais de 40 mil torcedores, o Sevilla fez um bom primeiro tempo. Teve intensidade e chegou a ficar duas vezes à frente do placar, com os gols de Jesus Navas e Gabriel Mercado. O problema para o time mandante é que Messi estava mais do que inspirado.

O craque argentino teve uma atuação magistral. Uma das maiores de sua brilhante carreira. À vontade em campo, o camisa 10 fez três golaços e deu a assistência para o Suárez marcar o quarto, que também foi digno de aplausos.

Messi foi às redes uma vez na primeira etapa e duas no segundo tempo. O argentino marcou seu primeiro gol com um lindo sem-pulo da entrada da área que morreu no ângulo direito do goleiro Vaclík. Uma pintura. Na etapa final, o argentino fez o segundo de direita. Com pouco espaço, o craque dominou no meio e acertou desta vez o ângulo esquerdo de Vaclík para, àquela altura, empatar o jogo.

O terceiro gol que colocou o Barça à frente do placar saiu depois de uma cavadinha de Messi. Bem colocado, o camisa 10, com muito recurso, aproveitou desvio na área e tocou com muita categoria por cima do goleiro rival. Para fechar a atuação primorosa, Messi deu um lindo passe por elevação para Suárez encobrir Vaclík e sacramentar a vitória de virada, marcada por golaços e por um jogo notável de um dos maiores jogadores da história do futebol.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo