Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Sánchez afirma que Santos é favorito no clássico com o São Paulo

O meio-campista Carlos Sánchez acredita que o Santos é favorito a vencer o clássico contra o São Paulo, neste domingo, no Pacaembu, pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Nos dois primeiros jogos pela torneio, a equipe do uruguaio venceu a Ferroviária por 1 a 0, na Vila Belmiro, e o São Bento por 4 a 0, fora de casa, campanha inferior apenas à do próximo adversário.

"Para nós, somos sempre favoritos. Estamos em um clube grande, queremos ser protagonistas e temos de pensar em nosso time. Mas o nosso rival é de muita qualidade e de respeito", comentou Sánchez, ex-jogador do Monterrey, do México.

O meio-campista vai voltar a enfrentar Tiago Volpi, que até o fim de 2018 defendia o Querétaro e agora é o goleiro do São Paulo. "Nós nos enfrentamos muitas vezes, mas não há revanche. Vou me focar em fazer meu trabalho e ele o dele. No México, ganhei e perdi dele. Espero que conquistemos a vitória no domingo", disse o uruguaio, que neste início de torneio já contou com a companhia em campo de outros estrangeiros, como o venezuelano Yeferson Soteldo, do colombiano Jonathan Copete e do paraguaio Derlis González.

Entre estrangeiros, o Santos também conta com o zagueiro colombiano Felipe Aguilar, recém-contratado, o meia costa-riquenho Bryan Ruiz e o treinador argentino Jorge Sampaoli, além de outros membros da comissão que são compatriotas do técnico.

"O estilo de Sampaoli é nos deixar jogar livres. Sabemos o que temos de fazer no jogo. Ele nos deixa jogar com muita tranquilidade. Com foco no trabalho da semana, chegamos com confiança para aplicar isso nas partidas", explicou Sánchez.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo