Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Suárez treina e médico do Uruguai diz que 'não descartaria' atacante de clássico

A possibilidade de Luis Suárez reforçar o Uruguai no clássico diante da Argentina, nesta quinta-feira, em Montevidéu, parece cada vez maior. Após surpreender na recuperação de uma lesão e ser reintegrado a uma convocação da qual já havia sido cortado, o jogador do Barcelona se apresentou nesta terça e alimentou a esperança do torcedor de vê-lo em campo no confronto pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Suárez sofreu uma distensão na cápsula posterior do joelho direito em confronto do Barcelona diante do Real Madrid, pela Supercopa, há pouco mais de dez dias. Ele deveria ficar afastado do futebol por quatro semanas, mas sua recuperação foi mais rápida do que o esperado, o que fez com que fosse reconvocado por Oscar Tabárez.

O jogador se apresentou nesta terça, um dia depois do restante do elenco uruguaio, apenas para passar por exames médicos e testes físicos. Pelo menos, à princípio. Isso porque Suárez voltou a surpreender e, depois de ser avaliado, entrou em campo para trabalhar ao lado de seus companheiros.

A situação fez com que o médico da seleção, Alberto Pan, concedesse entrevista coletiva. Perguntado sobre a situação do atacante, ele explicou que a utilização de Suárez no clássico dependerá de sua evolução nesta quarta-feira, mas avisou: "Eu jamais descartaria o Suárez".

O atacante do Barcelona, de fato, já deu mostras de seu desejo de ajudar a seleção uruguaia mesmo sofrendo com problemas físicos. Na Copa do Mundo de 2014, por exemplo, entrou em campo e marcou os dois gols da vitória por 2 a 1 sobre a Inglaterra apesar de ainda se recuperar de uma grave lesão no joelho direito.

"A partir do que virmos e conversarmos com ele, vamos planejar o trabalho de amanhã. Se ele trabalhar de forma normal, completa, o que ainda não fez por razões lógicas e por sua chegada recente, será um passo grande para a reintegração completa e para estar em ordem", comentou Alberto Pan.

A presença de Suárez nesta quinta se tornou ainda mais importante depois que o Uruguai perdeu três de seus atacantes por lesão: Abel Hernández, Jonathan Urretaviscaya e Diego Rolan. A equipe é a terceira colocada das Eliminatórias e ficará muito próxima de uma vaga na Copa em caso de vitória sobre a Argentina.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo