Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Victor agradece apoio após falha e Marcelo exalta vaga do Atlético em outra final

O Atlético-MG sofreu para assegurar classificação à final da Copa do Brasil. Depois de ter vencido o jogo de ida contra o Internacional por 2 a 1, em Porto Alegre, chegou a estar perdendo pelo mesmo placar no confronto de volta da semifinal, nesta quarta-feira à noite, no Independência, em Belo Horizonte, onde Lucas Pratto marcou o gol que levou a equipe para a decisão.

Antes disso, o ídolo atleticano Victor quase se tornou um vilão de uma possível eliminação ao falhar feio no lance do segundo gol do Inter, quando dominou mal uma bola recuada e viu Anderson se aproveitar do vacilo, roubar a bola e tocar para o gol vazio.

Após o confronto, o goleiro ressaltou o fato de que recebeu forte apoio dos torcedores e de seus companheiros de equipe, que o fizeram se manter forte para ajudar os atleticanos a conquistar a vaga na decisão.

"Esse apoio dos companheiros e, principalmente, do torcedor, é impagável e demonstra a identificação que tenho com o clube. Trabalho forte, duro, procuro fazer o melhor e os erros fazem parte da profissão. Claro que a gente nunca quer errar, mas, com o apoio dos companheiros e do torcedor, consegui me manter focado e fazer intervenções importantes em momentos críticos no segundo tempo", afirmou Victor, em entrevista coletiva.

E agora Victor irá encontrar o Grêmio, seu ex-clube, na decisão. "Tem um sabor especial essa possibilidade de conquista diante de um clube com o qual tenho tanta identificação. O Grêmio me abriu as portas, mas, hoje, defendo as cores do Atlético, clube que me possibilitou viver grandes conquistas, e espero trazer mais um título", projetou.

Já Pratto, herói do mata-mata com gols no Sul e em Minas, festejou o fato de ter sido decisivo justamente no confronto no qual completou 100 jogos com a camisa atleticana. "Assim é o futebol e todo mundo sabe o que é o Galo no futebol, sempre surpreende para conseguir coisas importantes. O mais importante é que o gol serviu para chegarmos à final, que era o nosso objetivo", ressaltou.

MARCELO OLIVEIRA - O técnico Marcelo Oliveira, por sua vez, exaltou a conquista da vaga em mais uma final de Copa do Brasil. Será a quinta de sua carreira no torneio, sendo que no ano passado o treinador foi campeão da competição no comando do Palmeiras. E ele destacou que a boa atuação do Inter valorizou muito a passagem do Atlético à decisão.

"Foi no sufoco porque o Inter jogou muito hoje (quarta-feira). Jogaram bem em todos os aspectos, marcaram bem, usaram muito nosso erro para o contra-ataque. Somado a isso, um pouco de infelicidade individual nossa no jogo, que deu força para o adversário em determinado momento. Mas isso nos fortalece. Estamos numa final depois de um jogo duríssimo, mas nos superamos e estamos fortalecidos e preparados para fazer uma grande final", enfatizou o treinador, que depois completou: "É muito importante e gratificante. Não é fácil chegar a tantas finais, com times diferentes".

Os dois jogos das finais da Copa do Brasil serão disputados nos próximos dias 23 e 30. Os mandos de campo da decisão serão sorteados nesta sexta-feira.