Cinturão do ex-boxeador Muhammad Ali é arrematado por R$ 33,12 milhões

O cinturão do WBC (Conselho Mundial de Boxe, em inglês) da luta “Rumble in the Jungle” de Muhammad Ali foi arrematado nesta segunda-feira (25) pelo valor de R$ 33,12 milhões (US$ 6,18 milhões), pelo dono do time de futebol americano Indianapolis Colts, Jim Irsay. O magnata tem outros artigos do ex-boxeador, como um manto de luta e sapatos. 

“Cinturão de campeão de 1974 ‘Rumble in the Jungle’ de Muhammad Ali, quando ele empregou seu rope-a-dope e derrotou George Foreman – adicionado a coleção de Jim bem a tempo para o show de 2 de agosto no Navy Pier de Chicago (e 9 de setembro em Indianápolis). Orgulho de ser o comissário!”, expôs Jim Irsay nas redes sociais.   

A conquista de Ali foi em 1974, quando a lenda do esporte retornou aos ringues depois de ter a licença e título retirados por se recusar a defender os Estados Unidos na Guerra do Vietnã. Ele desafiou o então campeão dos pesos pesados George Foreman no evento chamado de “A Luta na Floresta” (Rumble in the Jungle).        

Informações do SBT Sports.