Meia Clayton é condenado por doping, mas já está liberado para jogar

O atleta do Operário Cleyton Rafael Lima da Silva foi julgado, na tarde desta quinta-feira (22) pelo Tribunal de Justiça Antidopagem, por infração ao artigo 9º. do Código Brasileiro Antidopagem. Cleyton foi condenado, por maioria de votos, à pena de suspensão por dois meses, contados a partir da data da partida contra o Red Bull Bragantino, realizada no dia 12 de agosto de 2019, válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro – Série B.

O advogado Alessandro Kishino, que representa o Operário na Justiça Desportiva, explica que o atleta já cumpriu a pena e está liberado para treinamentos e jogos oficiais.

Informações da assessoria de imprensa.