Mulheres brilham e garantem conquistas ao Brasil no fim de semana do esporte olímpico

As mulheres deram um show no fim de semana do esporte olímpico brasileiro. Entre títulos, medalhas e conquistas, o protagonismo foi todo delas nos últimos dias. A começar pela equipe de ginástica artística, que foi campeã do Pan-americano, no Rio de Janeiro, vencendo os Estados Unidos pela primeira vez na história. Flávia Saraiva e Rebeca Andrade brilharam e comandaram o conjunto rumo ao ouro. 

Mas ainda houve outros momentos especiais entre as mulheres. Nesse caso, veio dos pés de uma adolescente. Rayssa Leal deu show na etapa de Jacksonville da Street League Skateboarding (SLS), principal competição de skate no mundo, e ficou com o título. Pâmela Rosa também foi bem e terminou com a terceira posição. 

Confira quais foram os principais destaques do esporte olímpico no fim de semana:

Conquista histórica na ginástica artística 

O Brasil dominou o Pan-americano de Ginástica Artística, disputado no Rio de Janeiro. Individualmente, Caio Souza foi o grande destaque. Ele conquistou seis medalhas (dois ouros, duas pratas e dois bronzes), entre elas a de ouro no individual geral. Entre as mulheres, Flávia Saraiva também foi campeã individual geral e ainda levou mais um ouro e uma prata. Rebeca Andrade ganhou um ouro e uma prata.

No domingo veio o momento histórico. A equipe feminina deu show e pela primeira vez venceu os Estados Unidos, conquistando o título do Pan-americano, para delírio dos torcedores na Arena Carioca 1. Já entre os homens, o Brasil teve um bom desempenho, mas não o suficiente para ganhar dos americanos, e ficou com a medalha de prata. 

Rayssa Leal brilha nos EUA 

A Fadinha segue se destacando pelo mundo. Neste domingo, ela conquistou a etapa de Jacksonville da SLS, principal competição de skate do mundo. Rayssa Leal conseguiu a virada na última manobra para garantir o título. Pâmela Rosa também subiu no pódio, ficando com a terceira colocação. 

Entre os homens também teve medalha. Gustavo Ribeiro fez ótima apresentação e ficou com o bronze

Medalha na Liga das Nações de Vôlei 

A renovada seleção feminina de vôlei fez bonito na Liga das Nações. Após vencer o Japão, nas quartas de final, e a Sérvia, na semifinal, o Brasil perdeu por 3 a 0 para a Itália na decisão e ficou com a prata. Um ótimo resultado para a jovem seleção comandada por José Roberto Guimarães. 

Mundial de Atletismo 

Alison dos Santos começou com tudo a competição em Eugene, nos Estados Unidos. Sem fazer muito esforço, ele venceu a eliminatória e a semifinal que disputou e se classificou para a final com tranquilidade. Piu é um dos favoritos ao ouro na prova, que será na noite desta terça-feira. 

Outros dois destaques do fim de semana no torneio foram Darlan Romani, que ficou em quinto lugar no arremesso de peso, e Daniel Nascimento, que terminou a maratona na oitava posição. Vale ressaltar que o brasileiro correu boa parte da prova com o pé cortado e sangrando, por conta de pisões dos adversários no meio do pelotão. 

Domínio no boxe 

O Brasil não deu chances aos adversários e dominou o GP Internacional de Boxe, disputado no Velódromo do Parque Olímpico, no Rio de Janeiro. Os boxeadores do país conquistaram os 13 cinturões que foram disputados, sendo sete no masculino e seis no feminino. Os medalhistas olímpicos Abner Teixeira e Bia Ferreira estão entre os campeões do fim de semana. 

Mundial de Esgrima 

Nathalie Moellhausen se despediu da disputa individual feminina da espada no Mundial de Esgrima nesta segunda-feira. Dona da sexta melhor campanha na primeira fase, a brasileira pulou a fase preliminar eliminatória e passou ao quadro de 64. Nesta fase, porém, não conseguiu superar Chan Wai Ling, de Hong Kong. O confronto foi encerrado por tempo, com 10 a 9 no placar em favor da asiática.

No domingo, o Brasil teve três atletas classificados para o quadro de 64 em outras provas. No florete masculino foram dois a avançar: Guilherme Toldo passou com a segunda melhor campanha nos pules, enquanto Lorenzo Mion passou pela preliminar eliminatória para garantir a vaga. Este foi o mesmo caminho pelo qual passou Luana Pekelman, no sabre feminino.

Títulos no tênis 

O fim de semana teve conquista brasileira no tênis. Jogando ao lado do espanhol David Vega Hernández, Rafael Matos foi campeão nas duplas do ATP 250 de Bastad. Quem também levantou troféu foi Felipe Meligeni, que conquistou o challenger de Iasi, na Romênia. 

Ainda nas duplas, Marcelo Melo ficou com o vice-campeonato no ATP de Newport. Ele jogou ao lado do sul-africano Raven Klaseen. 

Informações do COB.