Número de infartos pode aumentar em até 8% na Copa do Mundo

A contagem regressiva para a Copa do Mundo do Catar já começou e, além de vestir a camisa e preparar a torcida, é importante cuidar do coração. Com a promessa de fortes emoções, especialistas indicam cuidados e maneiras mais saudáveis para curtir as partidas de futebol. 

Estudos sobre o aumento da incidência de mortes por problemas no coração durante a Copa do Mundo já são realizados desde 1996. Uma das pesquisas mais recentes, feita pela Universidade de São Paulo (USP) na Copa disputada na Rússia, em 2018, indica que a incidência de infarto aumenta de 4% a 8% entre os brasileiros durante o torneio. O alerta vale principalmente para quem tem problemas cardiovasculares ou histórico familiar da doença. “A dor no peito sempre deve ser um sinal de alerta e, nesses casos, o melhor é procurar um serviço de urgência e emergência”, orienta o cardiologista dos hospitais Marcelino Champagnat e Universitário Cajuru, Gustavo Lenci Marques.

Mais saudável

O cardápio para a hora dos jogos também pode ser um aliado para a saúde. Trocar alimentos ultraprocessados como refrigerantes e salgadinhos por água saborizada e snacks caseiros, como chips de mandioca, palitinho de cenoura com molho de alho ou espetinhos de frutas são opções interessantes e que ajudam a controlar os níveis de ansiedade. Já para quem não abre mão da cervejinha gelada enquanto curte os jogos, a dica é ficar sempre de olho na hidratação. 

“A conta é bem simples: a cada latinha de cerveja consumida, intercale com 100 ml de água. Isso evita a desidratação e a ressaca do dia seguinte”, explica a nutricionista do Grupo Marista, Patricia Soneh.