Curitibano termina torneio entre os quatro melhores das Américas na esgrima

O curitibano Athos Schwantes encerrou sua participação no Pré-Olímpico de Esgrima das Américas entre os quatro melhores espadistas. Com o resultado, não conseguiu a vaga para as Olimpíadas de Tóquio. O Pré-Olímpico foi disputado no fim de semana, na cidade de San José, na Costa Rica.

Na primeira fase da competição, com jogos classificatórios, Athos Schwantes, que é beneficiário do Programa Municipal de Incentivo ao Esporte da Prefeitura Curitiba, conseguiu quatro vitórias e duas derrotas jogando contra Hector Maisonet (Porto Rico), Saul Moris Villacorta Portillo (El Salvador), Pablo Nunez (Chile), Avinash Vishnu Somir (Guiana), John Edison Rodriguez (Colômbia) e Hector Cap (Guatemala).

Com os resultados, Athos avançou diretamente para o quadro de oitavas, com jogos de eliminação direta, onde superou novamente Pablo Nunez, do Chile.

Na semifinal, enfrentou Yunior Reytor Venet (Cuba), perdendo por 15 – 9 para o cubano e melhor ranqueado entre os espadistas participantes no Pré-Olímpico. Com o fim das disputas na espada, a vaga olímpica ficou com Marc-Antoine Blais-Belanger (Canadá).

O cubano Yunior Reytor Venet ficou na 2ª colocação e o curitibano Athos Schwantes dividiu a 3ª colocação com o colombiano John Edison Rodriguez.

Informações da assessoria de imprensa.