Operário faz história, aplica 9 a 0 e confirma queda do Cascavel CR

A penúltima rodada do Campeonato Paranaense entrou para a história da competição com uma das maiores goleadas já aplicadas. No duelo entre os opostos na tabela, o Operário atropelou o Cascavel CR com uma goleada por 9 a 0 no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. Além de garantir a primeira posição da primeira fase do Estadual, de quebra, o resultado decretou rebaixamento da Serpente.

Em situação delicada na tabela, o Cascavel CR precisava vencer o líder e torcer por uma combinação de resultados para chegar vivo na última rodada. Faltou combinar com o Fantasma. Logo aos sete minutos, Tomás Bastos abriu o placar para os donos da casa. Na sequência, Ricardo Bueno (13 minutos), Jean Carlo (17’), Rafael Chorão (22’ e 27’) e Felipe Garcia marcaram para o Operário – tudo isso apenas no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Matheus Costa fez cinco mudanças para preservar os atletas, mas isso não impediu que o time seguisse no ataque. Em ritmo de treino, Tomás Bastos, Lucas Mendes e Leandrinho completaram o massacre.

A primeira fase da competição termina no sábado (15) com todos os jogos disputados às 11h30. O Fantasma apenas cumpre tabela diante do Paraná Clube na Vila Capanema, enquanto o Cascavel CR pode tentar se despedir da elite do futebol paranaense jogando em casa diante do Maringá.