Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Dicas rápidas para aprender a andar na onda do momento: o hoverboard

- Dicas rápidas para aprender a andar na onda do momento: o hoverboard

Você já deve ter visto por aí como pessoas de diferentes idades andam com maestria em um hoverboard. E não é difícil. Assim como aprender a andar de bicicleta, de patinete e mesmo de carro exige treino e prática, com esse “brinquedo” não é diferente.

Usamos as aspas porque esse objeto é muito mais do que um simples brinquedo. Para muitas pessoas ele é um meio de transporte. Para outras, é uma ferramenta de treino na academia ou na rua.

Independente do uso que dará ao seu hoverboard, e mesmo se você usar o melhor hoverboard, é preciso que o domine com perfeição. Do contrário poderá passar por alguns acidentes bastante dolorosos. Por isso confira abaixo nossas dicas!

Aprenda a se equilibrar

Vamos trazer aqui um passo a passo bastante simples e direto. A primeira coisa a se fazer é aprender a se equilibrar em cima do hoverboard. Se já anda de bicicleta ou de skate, sabe que nesses objetos muitas vezes não é simples encontrar o equilíbrio.

Com o hoverboard isso é um pouco pior. Muitas vezes porque você está muito receoso e ansioso, o que dificulta o trabalho do seu corpo em se equilibrar. Outras porque o usuário esqueceu de ligar o aparelho.

Por isso o primeiro passo é ligar o hoverboard. Sem isso, o centro de equilíbrio do aparelho não irá funcionar. Óbvio que assim você irá levar aquele tombo para trás ou para frente, estragando de cara a brincadeira.

Assim que ligou o hoverboard, suba nele. Sem medo. Suba e vá deslizando os pés em direção às extremidades. Assim ficará mais confortável e menos tenso. Principalmente se flexionar os joelhos um pouco para frente. Aqui é quase a mesma premissa dos patins ou rollers.

Você sentirá que assim que fizer isso, seu corpo vai encontrar o próprio centro de gravidade em conjunto com o aparelho. Caso sinta dificuldades mesmo assim, experimente treinar a subida encostando-se a uma parede ou segurando os braços de alguém.

Vá para trás e vá para frente

Equilibrar-se, acredite, é o mais difícil. Assim que você dominou esse passo, está pronto para efetivamente andar no hoverboard. Tudo fica mais fácil a partir de agora, principalmente porque você vai soltando o corpo e ganhando confiança.

Apesar disso, é preciso respeitar um sistema de evolução na hora dos movimentos. Para ir para frente, basta que incline o corpo nessa direção. Mas com calma! Se incliná-lo muito rápido para frente irá perder o centro de gravidade, o que resultará em uma queda brusca.

Mantenha-se alinhado com esse centro para encontrar o limite de inclinação. Podemos dizer que o procedimento para dar ré é o mesmo, só que jogando o corpo ligeiramente para trás. Faça isso até o aparelho parar, para só depois efetivamente dar a ré. Do contrário você já sabe: é queda

Movimentos laterais

Girar o hoverboard e fazer curvas pode ser um pouco complicado se você não dominou o passo anterior. Caso seja um mestre em ir para frente e para trás, agora é apenas uma questão de aprender os movimentos laterais.

Eles envolvem dominar o uso da flexão dos joelhos. Flexionar os joelhos e pressionar o aparelho com a intensidade certa é essencial. Controlar o balanço do próprio corpo e o centro de equilíbrio faz com que as guinadas para os lados sejam suaves e sem muito impacto.

Se você notar, verá que os dois lados do hoverboard não dependem um do outro. Dá para mudar da esquerda para a direita quase como se estivesse andando de roller. Basta, por exemplo, empurrar o pé direito apenas para a frente caso queira ir para a esquerda. E o oposto caso queira ir para a direita.

Como sair do hoverboard

Sair do hoverboard pode ser um desastre se você não fizer isso da forma correta. Portanto não tente pular de qualquer jeito do aparelho, principalmente se ele estiver em movimento. Você deve parar o hoverboard completamente. Basta inclinar o corpo para trás e pronto.

Agora que ele está parado, é só descer? Não. Não saia pela frente, tampouco saia pelos lados. O jeito correto é sair por trás, da mesma forma que subiu. Só assim conseguirá manter o equilíbrio e evitará acidentes desnecessários.

Por fim, lembre-se sempre que é preciso usar materiais de proteção para andar em um hoverboard.

Colaboração Assessoria de Imprensa

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo