Polícia Civil investiga clube de futebol suspeito de falsificar testes de coronavírus

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) abriu inquérito policial para apurar a suspeita de falsificação de testes de covid-19 por jogadores do clube Cascavel CR, da região Oeste do Paraná. O caso veio a público após a Federação Paranaense de Futebol (FPF) divulgar uma nota explicando o ocorrido durante uma partida do time contra o Athletico Paranaense, em Curitiba, que ocorreu na quinta-feira (22). 

A PCPR já procurou a Federação, que passou todas as informações e provas do possível crime. O clube apresentou exames com rasuras, todos de um único laboratório e com a assinatura da mesma médica. O indício da falsificação foi notado pela federação. Todos os envolvidos devem ser ouvidos durante as investigações.  

Também será apurado, pela PCPR, se houve falsificação por parte de outros clubes envolvidos na disputa pelo campeonato. “Nós também temos a preocupação de que em outros jogos essa situação tenha ocorrido. Sendo assim, vamos verificar se aconteceu falsificação de exames em jogos que já foram realizados”, disse o delegado da PCPR, Luiz Carlos de Oliveira.

O inquérito terá duração inicial de 30 dias. O prazo de investigação pode ser ampliado.

Informações da Agência Estadual de Notícias