Seleção olímpica: primeiro treino propõe adaptação a grupo de “europeus”

Os Jogos Olímpicos começaram para a Seleção Olímpica Masculina nesta quinta-feira (1). Os jogadores começaram a se apresentar ao técnico André Jardine para o início da última etapa de preparação antes da estreia no dia 22 de julho, contra a Alemanha, no estádio de Yokohama. Os primeiros a chegar foram Diego Carlos, Gabriel Magalhães, Paulinho, Matheus Cunha e Antony. O quinteto foi a campo na parte da tarde para o primeira atividade do período.

Os cinco atletas jogam em clubes da Europa e estavam em período de férias. O preparador físico da Seleção, Marcos Seixas, explica que esse grupo fará uma etapa de adaptação até a chegada do restante dos convocados: 

“Esse primeiro grupo está chegando de um período de inatividade maior, muitos já estavam treinando por conta própria, com seus profissionais, e seguindo uma cartilha que preparamos para eles. Não chegaram tão zerados assim. De qualquer jeito, a gente faz um período de adaptação inicial, bem de base, pois teremos tempo até a estreia para deixá-los na melhor forma física e técnica”.

Com a ajuda de jogadores da base da Seleção Brasileira, Jardine comandou um treino que exigiu dos atletas velocidade de raciocínio e de execução dos movimentos técnicos. Uma atividade para ambientar o grupo em relação aos conceitos de jogo do time.

A Seleção volta a campo nesta sexta-feira (2) às 16h na Academia de Futebol do Palmeiras.