Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Austríaco Dominic Thiem garante última vaga no ATP Finals

A oitava e última vaga no ATP Finals ficou com o austríaco Dominic Thiem. O tenista de 23 anos fará sua estreia na competição que reúne os oito melhores do ano após os resultados do Masters 1000 de Paris, que está sendo disputado na França nesta semana. Com a definição, estão confirmados todos os participantes da chave de simples do Finals.

Thiem garantiu a classificação com a derrota do francês Jo-Wilfried Tsonga diante do canadense Milos Raonic, na noite desta sexta-feira. Tsonga ainda estava na briga, mas precisava do título em Paris para buscar a última vaga do Finals. No entanto, acabou sendo eliminado nas quartas de final.

Antes de Thiem já estavam assegurados no Finals o sérvio Novak Djokovic, o escocês Andy Murray, o suíço Stan Wawrinka, o japonês Kei Nishikori, Raonic, o francês Gael Monfils e o croata Marin Cilic, que garantiu sua vaga na semana passada.

"Sempre foi um sonho de criança participar do Finals. Nos últimos dois anos se tornou um grande objetivo e alcançá-lo com esta idade é incrível, 20 anos depois do primeiro austríaco presente na competição", comemorou Thiem, referindo-se ao compatriota Thomas Muster, que competiu pela última vez em 1997 - na época o torneio ainda se chamava Masters Cup.

Um dos talentos da nova geração, Thiem se destacou neste ano sobretudo no primeiro semestre, quando faturou quatro títulos, sobre três superfícies diferentes: Buenos Aires, Nice, Acapulco e Stuttgart. Foi ainda vice-campeão em Metz e Munique. Em junho, despontou no Top 10 do ranking pela primeira vez ao alcançar a semifinal de Roland Garros.

DUPLAS - Também estão definidos todas as parcerias que vão competir na chave de duplas em Londres, entre os dias 13 e 20 deste mês, em Londres. A disputa terá dois brasileiros: Bruno Soares e Marcelo Melo. O primeiro jogará ao lado do escocês Jamie Murray, e o segundo formará parceria com o croata Ivan Dodig (será o último torneio dos dois tenistas jogando juntos).

A chave londrina terá ainda os franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut, os norte-americanos Bob Bryan e Mike Bryan, os espanhóis Feliciano López e Marc López, a dupla formada pelo sul-africano Raven Klaasen e pelo americano Rajeev Ram e a parceria do finlandês Henri Kontinen com o australiano John Peers.