Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Kvitova e Svitolina decidem título do Torneio de Zhuhai

A checa Petra Kvitova teve pouca dificuldade para confirmar o favoritismo sobre a tenista da casa, Shuai Zhang, na semifinal do Torneio de Zhuhai, na China, neste sábado. Ela derrotou a local por 2 sets a 0, com duplo 6/2, e garantiu vaga na decisão da competição que reúne as 12 melhores tenistas do ranking mundial de 2016 dentre as que não se classificaram para o Masters da WTA, disputado na semana passada, em Cingapura.

Terceira cabeça de chave, Kvitova só precisou de 1h06min para superar Zhang, que entrou na competição como convidada - ela ocupa a 28ª colocação do ranking da WTA. A tenista da República Checa precisou salvar apenas um break point na sua semifinal e faturou quatro quebras de saque, duas em cada set, para sacramentar a vitória.

Sua adversária na decisão será a ucraniana Elina Svitolina, que surpreendeu ao eliminar a britânica Johanna Konta, cabeça de chave número 1, na outra semifinal. Svitolina superou a adversária, número 10 do mundo, em três sets, com parciais de 2/6, 6/1 e 6/4, em um duelo de 1h40min.

Será o sétimo confronto entre Kvitova e Svitolina no circuito profissional. A checa, dona de dois títulos em Wimbledon, leva boa vantagem, com cinco vitórias e apenas uma derrota, ainda em 2014. Somente neste ano foram três duelos entre elas, todos com triunfo de Kvitova.

Neste domingo, Kvitova buscará a vitória para compensar neste segundo semestre os fracos resultados do primeiro, num ano de muita oscilação e poucas conquistas. A temporada foi marcada por apenas um título, em Wuhan, quando brilhou com triunfos importantes sobre rivais do Top 10, incluindo a número 1 Angelique Kerber.

Também foi finalista em Luxemburgo, no mês passado, mas teve que se contentar com o vice-campeonato. Sua melhor oportunidade em torneios de maior relevância foi os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Ela foi eliminada na semifinal pela porto-riquenha Monica Puig, que veio a ficar com a medalha de ouro.