Nadal conquista Roland Garros pela 14ª vez

PARIS (Reuters) – O espanhol Rafael Nadal esmagou o norueguês Casper Ruud neste domingo para erguer o 14º troféu do Aberto da França, um recorde, ampliando a liderança entre os maiores vencedores de títulos de grand slams.

Houve uma sensação de déjà vu quando o espanhol, que completou 36 anos na sexta-feira, venceu Ruud por 6-3, 6-3 e 6-0 para garantir vitória em todas as vezes que chegou à final no torneio de saibro mais famoso de todos.

A vitória deu a Nadal o 22º título de grand slam recorde, dois a mais que o número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic.

Nadal chegou a Roland Garros com persistentes dúvidas sobre condicionamento físico depois de sofrer uma fratura por estresse na costela e lutar com uma lesão crônica no pé.

Mas Nadal, que superou o também espanhol Andrés Gimeno como o mais velho campeão de simples masculino de Roland Garros, novamente provou que mesmo com menos de 100% ainda é demais para ser vencido no saibro de Roland Garros.

Nadal e Ruud nunca jogaram uma partida oficial antes deste domingo, mas a dupla se enfrentou muitas vezes na academia do espanhol em Maiorca e o norueguês disse que nunca venceu um treino contra seu ídolo.

Ruud lidera a temporada masculina desde o início de 2020 em vitórias, finais e títulos em quadra de saibro e foi o primeiro homem de seu país a fazer uma final de grand slam de simples, mas não tinha o suficiente para desafiar Nadal.

Nadal teve um início empolgante na competição, com uma vantagem de 2 a 0. Mas, apesar de toda a sua experiência, ainda havia nervosismo do espanhol, que desperdiçou sua vantagem inicial com dois erros não forçados e duas faltas duplas.

O forehand forte de Nadal, no entanto, logo encontrou sua marca e ele ampliou a pressão no backhand de Ruud para garantir uma vantagem de 4-1. O norueguês tentou reagir, mas não foi suficiente para impedir Nadal de vencer o primeiro set.

Ruud elevou seu nível no início do segundo set, salvando três breakpoints e ganhando elogios de seu oponente.

O norueguês logo quebrou Nadal para assumir a liderança pela primeira vez na partida, mas durou pouco, já que Nadal eliminou sua vantagem no ponto seguinte. Em seguida, Nadal venceu cinco pontos para se colocar a um set da vitória.

As esperanças de Ruud de esticar o jogo evaporaram com Nadal agora totalmente com vontade de fazer um show, e foi um tráfego de mão única no terceiro set, com Nadal conquistando 11 pontos seguidos, terminando a competição em duas horas e 18 minutos.