Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Wawrinka derrota Cilic e segue vivo no ATP Finals

Após ser derrotado na estreia, o suíço Stan Wawrinka se manteve vivo no ATP Finals ao vencer o croata Marin Cilic por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/3) e 7/6 (7/3), nesta quarta-feira, em Londres. O resultado evitou a classificação antecipada do atual número 1 do mundo, o escocês Andy Murray, às semifinais da competição que reúne os oito melhores tenistas da temporada.

Murray será o próximo adversário de Wawrinka no Grupo John McEnroe, na sexta-feira. O líder do ranking só precisa vencer um set para sacramentar sua vaga na próxima fase. Já Wawrinka precisa vencer e ainda esperar pelo resultado do duelo entre o japonês Kei Nishikori e o próprio Cilic, que não tem mais chances de classificação.

Nesta quarta, Wawrinka e Cilic fizeram um primeiro set apertado, de muito equilíbrio e sem quebras de saque. O croata ainda teve um break point, mas não aproveitou a oportunidade. E não teve seu serviço ameaçado na parcial. No tie-break, porém, o suíço foi dominante e abriu vantagem no placar.

Depois do revés, Cilic reagiu no início da segunda parcial e faturou a primeira quebra da partida logo no game de abertura do set. Porém, Wawrinka reagiu e devolveu a quebra no quarto game. Os dois, então, definiram o set em mais um tie-break, com nova superioridade do suíço.

MONFILS DESISTE - Mais cedo, pelo Grupo Ivan Lendl, o francês Gael Monfils abandonou o Finals em razão de dores na costela, algo que já vinha atrapalhando o tenista desde o Masters 1000 de Paris. Com sua desistência, o belga David Goffin ganhou uma chance na chave. Ele fará sua estreia, e também seu último jogo na competição, nesta quinta, contra o sérvio Novak Djokovic, já classificado para a semifinal.