Título do Palmeiras coloca Athletico na briga por uma vaga na Libertadores

O sonho da Libertadores está mais vivo do que nunca pro Furacão. O time que na atual campanha já chegou a ser um vice-lanterna, conseguiu uma arrancada na segunda metade do Brasileirão e com mais 15 pontos em disputa quer voltar a competição que disputou 3 vezes nos últimos 4 anos.

Com um dos melhores aproveitamentos do returno, o Atlético cresceu com a chegada do técnico Paulo Autuori. Para chegar à Libertadores pela oitava vez na história do clube, o Furacão terá pela frente cinco rodadas, o líder do campeonato é um dos adversários, depois há 3 rivais que brigam pelo mesmo objetivo do rubro-negro e também 1 que luta contra o rebaixamento. 

Na quinta-feira o duelo é com o Internacional na Arena da Baixada, líder isolado e que vem de 9 vitórias seguidas, recorde da era dos pontos corridos. Na sequência, o Athletico visita o Corinthians e um confronto direto, depois tem Atlético Goianiense em Curitiba e Grêmio fora de casa, dois times que também brigam por Liberta. Na última rodada o Furacão recebe o Sport, atualmente os pernambucanos lutam contra o rebaixamento 

Com o Palmeiras campeão da Libertadores atualmente no G6 do Brasileirão e tendo ainda pela frente à final Grêmio e Palmeiras pela Copa do Brasil, é enorme a possibilidade de termos G8. O Athletico e mais 5 times brigam de forma acirrada, especialmente pela 8ª vaga, por isso na reta final do campeonato não tem nenhum espaço para erros.