Torcida se revolta com eliminação do Operário e entra em conflito com a PM

Depois do empate em 1 a 1 com o Londrina que custou a eliminação do Campeonato Paranaense, a torcida do Operário Ferroviário protestou contra o clube e chegou a entrar em confronto com a Polícia Militar nos arredores do Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. De acordo com a PM, ao fim da ocorrência, um adolescente de 17 anos foi detido e levado até a delegacia.

Mesmo sem torcida no estádio, a confusão começou logo após o apito final. De acordo com a PM, por volta das 18 horas um grupo de torcedores se reuniu na saída do campo e passou a gritar e insultar os jogadores e a comissão técnica do Alvinegro. “A situação evoluiu para arremesso de objetos pesados e rojões em direção ao estádio e estacionamento onde encontravam-se os atletas”, descreve a polícia.

As equipes que estavam no estádio fazendo a segurança da partida agiram rapidamente para tentar conter os ânimos, mas alguns torcedores se recusaram a deixar o local e passaram a atacar os policiais, conforme relato da PM. A confusão foi contida e o único a ser levado para a delegacia foi o adolescente.

Até a publicação desta matéria, o clube ainda não tinha se manifestado oficialmente sobre a confusão na saída do GK.