Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Martine Grael e Kahena Kunze comemoram novo ouro em evento da vela no Japão

(Foto: Confederação Brasileira de Vela)  - Martine Grael e Kahena Kunze comemoram novo ouro
(Foto: Confederação Brasileira de Vela)

A dupla brasileira formada por Martine Grael e Kahena Kunze, campeãs olímpicas nos Jogos do Rio-2016, comemoraram nesta segunda-feira o fato de que conquistaram, no último final de semana, a segunda medalha de ouro consecutiva em uma competição de vela realizada no local de disputas desta modalidade na Olimpíada de Tóquio, em 2020.

Elas haviam subido ao topo do pódio do evento-teste em Enoshima, raia olímpica dos Jogos que ocorrerão daqui a menos de dois anos, e agora repetiram o feito na denominada Olympic Week, no mesmo lugar, no Japão.

"Disputamos a Olympic Week aqui no Japão no fim de semana e levamos o ouro! Hora de voltar ao Brasil!", afirmaram em conjunto as velejadoras brasileiras nesta segunda-feira na página que elas têm na rede social Instagram.

Nesta mesma publicação, elas também postaram uma foto na qual dividem o pódio com outras duas duplas. As brasileiras aparecem na imagem ao lado das suecas Klara Wester e Rebecca Netzler, medalhistas de prata, e das britânicas Sophie Weguelin e Sophie Ainsworth, que ficaram com o bronze.

"A regata foi um pouco dura pela falta de vento e poucas regatas no total, mas deu para conhecer bem a raia olímpica e saber o que esperar daqui", comentou Martine Grael, já projetando os Jogos de Tóquio, em declarações reproduzidas pela sua assessoria nesta segunda-feira.

Na raia olímpica de Enoshima, Martine e Kunze triunfaram competindo na classe 49erFX, sendo que o evento-teste encerrado no final de semana retrasado também valeu como a primeira etapa da Copa do Mundo de Vela na temporada 2018/2019.

Depois da participação vitoriosa no Japão, elas só voltarão a velejar em outubro, quando retomarão os treinos do Brasil, onde também competirão em regatas até o final. Pelo calendário atual programado, as duas só voltarão a participar de eventos fora do País no próximo ano.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo