Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Maringá perde em Campinas e amarga 12ª derrota na Superliga de Vôlei

Brasil Kirin fez três sets a zero (Foto: Divulgação) - Maringá perde em Campinas e amarga 12ª derrota na Superliga
Brasil Kirin fez três sets a zero (Foto: Divulgação)

O Copel Telecom Maringá Vôlei amargou a 12ª derrota na Superliga Masculina ao perder na noite dessa quinta-feira (26) para o Brasil Kirin, no ginásio Taquaral, em Campinas (SP). A equipe paranaense começou bem a partida, chegou a estar na frente em diversas vezes, mas o nervosismo parece ter contagiado os jogadores.

“Temos começado muito bem as partidas, jogamos os sets com qualidade, mas quando chegamos na parte final, nós começamos a errar mais pela parte psicológica do que pelas partes tática e técnica”, lamentou o técnico Renato Lúcio.

O Brasil Kirin fechou o jogo em três sets a zero em 1h31.

A partida

O Vôlei Brasil Kirin fez os dois primeiros pontos da partida. Com o oposto Marcilio bem no ataque, o time visitante virou o marcador (6 a 5). O ponteiro Sérgio fez um ace e o time paranaense abriu dois pontos (9 a 7). O ataque e o saque eram eficientes e o Copel Telecom Maringá Vôlei fez 17 a 14. Com um ponto de saque do central Maurício, o time da casa encostou (23 a 22). O Vôlei Brasil Kirin foi melhor na parte final do primeiro set e venceu a parcial por 27 a 25.

 O Vôlei Brasil Kirin seguiu melhor no início do segundo set e fez 6 a 2. Neste momento, o treinador Renato Lúcio pediu tempo. Mesmo com a paralisação, os donos da casa seguiram ditando o ritmo do jogo e chegaram a 10 a 6. Com um ace do central Vini, os campineiros abriram cinco pontos (14 a 9). Aproveitando-se dos erros do time da casa, o Copel Telecom Maringá Vôlei diminuiu a vantagem para dois pontos (20 a 18). O Vôlei Brasil Kirin voltou a dominar a parcial na parte final e venceu o segundo set por 25 a 21.

O Copel Telecom Maringá Vôlei começou melhor no terceiro set e marcou 3 a 1. O Vôlei Brasil Kirin cresceu de produção e manteve a parcial disputada ponto a ponto. Com um de ataque do ponteiro Bruno Temponi, os campineiros deixaram tudo igual na parcial (15 a 15). Mais uma vez, o Vôlei Brasil Kirin foi melhor na parte final e fechou por 25 a 21.

O Maringá volta às quadras neste sábado (28), quando enfrenta o líder Sada Cruzeiro, em Contagem (MG).

Colaboração CBV