Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Formação garante permanência de jovens no campo e fortalecimento da atividade agrícola

- Formação garante permanência de jovens na atividade agrícola

“Se fosse trabalhar com outra coisa, não saberia o que fazer”. É o que afirma o cooperado Emilio Magne Guerreiro Junior, de Campo Mourão (Centro-Oeste do Paraná), que tem história parecida com a de milhares de jovens que cresceram correndo entre as lavouras e tiveram inspiração nos pais e avós para continuarem no campo. Ele revela que desde criança ia para a fazenda com o pai e já sabia que iria cursar agronomia. Aos 16 anos, Guerreiro Junior começou a trabalhar de forma efetiva e nunca pensou em fazer outra coisa que não fosse ser agricultor.

Entre os vários motivos citados pelo cooperado para continuar no campo, tem ainda o fato de se trabalhar em um local com uma paisagem que se renova a cada dia. Ele acrescenta que acima de tudo, a agricultura é uma atividade que vale a pena investir e que proporciona uma boa qualidade de vida.

Entre os desafios da nova geração, Guerreiro Junior, cita a importância de se mudar a visão da sociedade perante os agricultores.

Fonte: Coamo