Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Mulher do campo conectada

- Mulher do campo conectada

Não é de hoje que a força da mulher do campo é valorizada e enaltecida pelo agronegócio e o sistema cooperativista. Tanto é verdadeira essa afirmação que diversos eventos são realizados pela Coamo para informar, motivar e integrar a agricultora, seja ela cooperada, esposa ou filha de cooperado. Recentemente, alinhada a esse ideal, a Coamo por meio de uma parceria com a Bayer – empresa com atuação global em saúde e agronegócio – realizou eventos regionais do Conexão Mulher pelo segundo ano consecutivo.

Desde o ano passado, a estrutura do evento conta com uma palestra voltada para a área da saúde e outra com foco na motivação e estímulo da mulher empreendedora. Neste sentido, na edição de 2018, a palestrante e empresária, Fernanda Sanino foi convidada para acompanhar a caravana do Conexão Mulher para contar a sua história de empreendedorismo, sendo espelho para as participantes.

Fernanda é marceneira e juntamente com uma amiga, que atualmente é sua sócia, decidiu mudar de profissão e superar desafios profissionais ingressando em um mercado predominantemente masculino. “A mulher já é empoderada, e neste giro que demos nestes cinco municípios conheci mulheres superpoderosas. Mas, muitas vezes elas não enxergam todo o potencial que têm, por isso, meu foco foi levar um conteúdo para empoderá-las ainda mais. ”

Com um começo “maluco”, conforme descreveu a própria Fernanda Sanino, foi o início da sua carreira. “Minha sócia chegou com a ideia de montar uma marcenaria e eu achei aquilo loucura, pensei que fosse perder meus dedos”, brinca a empresária que ainda revela que tinha preconceito, pois acreditava que essa era uma profissão masculina. “Foi dificil, pois nós duas precisamos quebrar paradigmas e tirar todos os estigmas que tínhamos dentro de nós. ”

A marceneira ainda revela que outro preconceito enfrentado foi com familiares. “Nossa família acreditava que não podíamos colocar a mão na massa, pois aquilo não era para nós. Mas, com nossa garra provamos que podemos sim e superamos todos esses desafios. ”

Além disso, Fernanda destaca que nos tempos atuais, a tecnologia tem trabalhando em favor das profissões. “A indústria evoluiu muito e não é mais necessária a força. Nossa marcenaria começou no fundo do quintal da mãe da minha sócia, com pouco espaço. Então, até mesmo neste início já pedíamos tudo pré-cortado. Mas, uma forcinha tem sempre que fazer e nós fomos ficando cada vez mais fortes”, afirma sorridente e confiante a empresária.

Fernanda faz questão ainda de destacar que o objetivo da palestra a desmistificar o fato de que o feminismo é uma luta contra os homens. “Todos juntos, homens e mulheres devem lutar pelos direitos iguais de todo ser humano. Homens e mulheres juntos fazem um mundo melhor. E as mulheres da Coamo estão de parabéns, pois elas realmente arregaçam as mangas e trabalham duro para construir esse mundo melhor.”

Fonte: Coamo

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo