Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Exportações de café sinalizam recorde

Créditos: Pixabay - Exportações de café sinalizam recorde
Créditos: Pixabay

O Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) divulgou relatório nesta sexta-feira (10.05), que o Brasil exportou em abril deste ano um total de 2,9 milhões de sacas de café, considerando a soma de café verde, solúvel e torrado e moído, com receita cambial de US$ 370,43 milhões. O volume representa um crescimento de 25% em relação ao mesmo mês de abril do ano passado, enquanto que a receita apresentou aumento de 1%. Na mesma comparação, o preço médio da saca de café em abril, que foi de US$ 124,47/saca, apresentou queda de 19%. 

Com relação as exportações de café brasileiro no ano-safra 2018/2019 (jul/18 a abr/19), o Brasil exportou até agora 34 milhões de sacas no período acumulado, aumento de 30,4% em relação à mesma base comparativa do ano anterior, quando o país embarcou 26,1 milhões de sacas. Ainda no período safra 2018/2019, destaca-se o melhor desempenho nos embarques de café arábica dos últimos 5 anos, que alcançou 28,2 milhões de sacas e registrou um crescimento de 23,4% em relação a base comparativa anterior.

Em relação às variedades embarcadas no mês, o café arábica correspondeu a 84,7% do volume total das exportações, equivalente a 2,5 milhões de sacas. O café solúvel representou 8,7% das exportações, com 258 mil sacas exportadas, enquanto que o café conilon (robusta) atingiu a participação de 6,6%, com o embarque de 197 mil sacas. As exportações de café arábica e conilon registraram, respectivamente, crescimento de 24,3% e 238,6% em relação a abril do ano passado. Já as exportações do café solúvel apresentaram queda de 15% na mesma base comparativa. 

Fonte: Agrolink

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo