Após assalto a clínica odontológica, suspeito troca tiros com a PM e morre em confronto no Tatuquara; comparsa fugiu

Uma dentista e um casal foram surpreendidos pelos criminosos, que renderam as vítimas.

Uma troca de tiros entre policiais militares e dois suspeitos de assaltar uma clínica odontológica terminou com um morto na manhã desta terça-feira (2), no bairro Tatuquara, em Curitiba.

Segundo a Polícia Militar (PM), uma dentista e um casal foram surpreendidos pelos criminosos, que renderam as vítimas e ainda levaram a profissional como refém. Eles pegaram uma quantia em dinheiro e fugiram a pé.

Nas proximidades, a dupla deu de cara com uma viatura da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) e tentou fugir para uma região de mata, mas um deles sacou uma arma e apontou pra polícia, que entrou em confronto. No revide, um suspeito tombou morto e o outro conseguiu fugir.

O corpo do suspeito foi recolhido ao Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba. Policiais da Rone estão fazendo buscas pela região para tentar localizar o segundo envolvido no assalto. As vítimas, conforme a PM, passam bem.