Buscas por Lázaro entram no 14° dia; polícia monta força-tarefa com apoio de cães

Na manhã desta terça-feira (22), a Secretaria de Estado da Segurança Pública do Estado de Goiás atualizou a situação da força-tarefa que visa capturar Lázaro Barbosa Souza, que é suspeito de cometer assassinatos em série.

Segundo a pasta, durante a segunda-feira (21), foram realizadas incursões para checagem de informações de possíveis locais que o fugitivo tenha passado. As ações contaram com o apoio das equipes de cães.

A força-tarefa vem avançando nas buscas pelo suspeito e com isso, a Segurança Pública de Goiás alega que o cerco está cada vez mais fechado contra Lázaro.

Além disso, o Exército forneceu 40 rádios comunicadores para que as equipes possam utilizar durante as incursões na área e que a operação tem recebido doações e apoios materiais e morais de vários setores da sociedade, como entes públicos e privados, desde o início da operação. “Os policiais nunca estiveram desamparados”, explica a nota.

A força-tarefa também tem contado com a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), que segue em apoio nas ações das forças de segurança pública. 

Disque denúncia

O Governo de Goiás ressalta ainda que em 24 horas de funcionamento, o disque-denúncia aberto para captar informações sobre o paradeiro de Lázaro Barbosa, recebeu até o momento mais de 1.000 denúncias. No entanto, boa parte destas ligações são provenientes de trotes ou informações que não contribuem com a operação.

Ainda assim, a Secretaria solicita quaisquer informações que possam contribuir na captura do suspeito e, para isso, foi disponiblizado o número dedicado para receber as denúncias pelo telefone 061 99839 5284.

Informações do SBT News