Capotamento fatal na BR 277

Um capotamento na BR 277 deixou um senhor gravemente ferido e, infelizmente, levou a vida de uma rapaz. A equipe de socorristas do corpo de bombeiros correu contra o tempo para resgatar o passageiro do carro que estava bem machucado. Durante o trabalho, todo cuidado foi necessário para preservar a vida da vítima que aos poucos foi retirada de dentro do veículo.

Primeiro o senhor foi posicionado na tábua, depois levado até a maca e na sequência para a ambulância. Ali ele seguiu com o atendimento do médico de plantão. Enquanto a vida do senhor foi salva, dentro do carro, infelizmente, não foi possível fazer mais nada pelo motorista. Sandro Flesch , de 32 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu ainda dentro do carro. A batida foi tão forte que mesmo o cinto de segurança não foi o suficiente para proteger o rapaz.

De acordo com testemunhas, o carro branco seguia pela BR 277 quando Gol, que vinha pela Rua Mercúrio, teria entrado na frente do veículo que estava na rodovia, não sendo possível evitar a batida. Com o impacto, o gol capotou algumas vezes até parar no canteiro central. A perícia do Instituto Médico Legal foi até o local e apontou que o carro parou 240 metros do local da batida. Com tamanho impacto a roda do veículo foi arrancada e veio parar no canteiro central. 

A equipe da Ecocataratas, concessionária que administra a BR 277 esteve no local para prestar apoio, assim como a Polícia Rodoviária Federal. De acordo com a equipe policial, o motorista do carro branco foi levado para o posto de fiscalização da PRF onde fez teste do bafômetro que apontou que ele estava sob efeito de bebida alcoólica sendo então preso em flagrante. O passageiro que foi socorrido foi levado para o Hospital Municipal, já o corpo do motorista foi recolhido pelo IML.

Veja mais informações sobre este e outros casos no Tribuna da Massa de Foz do Iguaçu desta terça-feira (19):

https://youtu.be/0FXmVtavWXw