Economia da Itália despenca 8,9% em 2020 e déficit e dívida aumentam, mas menos do que o esperado

(Reuters) – Abalada pelo coronavírus, a economia da Itália teve forte contração em 2020, conforme o esperado, mostraram dados nesta segunda-feira, enquanto o déficit orçamentário e a dívida pública avançaram um pouco menos do que o previsto.

Rua vazia em Sorrento, na Itália, durante pandemia

O Produto Interno Bruto (PIB) caiu 8,9%, após um ganho marginal de 0,3% em 2019, informou o escritório nacional de estatísticas Istat.

A previsão oficial mais recente do governo era de uma contração de 9% em 2020. No mês passado, o Istat divulgou uma estimativa preliminar de queda de 8,8%.

O déficit orçamentário da Itália ficou em 9,5% do PIB no ano passado, disse o Istat, abaixo da meta oficial de 10,8%.

Isso se compara a uma proporção de apenas 1,6% em 2019, antes do coronavírus, que foi a menor desde 2007.

A dívida pública — proporcionalmente a mais alta da zona do euro depois da Grécia — subiu em 2020 para 155,6% do PIB, de 134,6% no ano anterior, ficando abaixo da previsão oficial de 157,0%.

(Por Gavin Jones e Antonella Cinelli)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH201E1-VIEWIMAGE

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa